Cultura Organizacional para Inovação: Como Promover na sua Empresa

curtura organizacional para inovacao introducao

Se eu te perguntasse qual é a cultura organizacional da sua empresa, você conseguiria elaborar uma resposta?

Em uma era marcada por grandes avanços tecnológicos e mudanças no mundo corporativo  ter uma cultura organizacional bem definida é um fator extremamente importante para uma empresa conseguir atingir os seus objetivos.

Isso porque a cultura organizacional é a base da sua instituição é o elemento que define o comportamento dos seus funcionários e suas ações, e por isso também podemos dizer também que a cultura é o jeito institucionalizado de pensar e agir.

Então, para definir qual é a cultura organizacional da sua empresa, você pode ir juntando características de comportamento, relações e outros elementos que você possa encontrar.

Bom, se você chegou a esse texto para saber como promover a cultura organizacional da inovação na sua empresa, você e todos os outros colaboradores precisam ter essa ideia bem definida para que, a partir disso, consiga trabalhar as estratégias de inovação.  

Depois dessa rápida introdução, vou deixar aqui os principais tópicos que vamos abordar ao longo do texto para podermos colocar logo a mão na massa.

Importância de desenvolver uma cultura organizacional na empresa

curtura organizacional para inovacao importancia

No começo do texto eu te disse que saber qual é a cultura organizacional da sua empresa é um ponto crucial para o seu negócio  poder avançar.

E você deve estar pensando: “eu nunca falei sobre cultura organizacional com os meus funcionários, então eu não sei se minha empresa tem alguma”.

Bom, se você acredita nisso então você não sabe o que é uma cultura organizacional.

Para começar, você precisa saber que não existe uma cultura ideal, e sim diversos tipos com características diferentes.

Por isso, podemos dizer que a sua cultura organizacional depende de diversos fatores, como por exemplo o jeito de lidar com problemas, o jeito de solucionar as questões e o modo de agir da sua empresa.

Para entender melhor como funciona uma cultura organizacional, precisamos entender o conceito de cultura.

Vamos usar um exemplo:imagine uma empresa como uma pequena sociedade, na qual um comportamento condiciona o outro e faz com que aquela sociedade haja de acordo com a cultura construída, que nada mais é do os hábitos, comportamentos e prática sociais em comum entre todas as pessoas da sua empresa.

Se você ainda está confuso, eu vou te dar outro exemplo:  podemos dizer que dentro de um banco existe uma cultura mais tradicional, na qual os funcionários devem usar traje social durante certos dias da semana e de sexta podem ir com roupas mais casuais.

Isso é uma cultura que foi construída ao longo do tempo. Agora, imagina se do dia para a noite, o banco abolisse a necessidade de roupa social durante toda a semana, será que todos iriam de uma só vez mudar algo que estavam condicionados?

Essa mudança que aparentemente é simples, poderia levar muito tempo até ser completamente adotada por todos. Quanto mais ela for fortemente compartilhada, mais dificilmente ela será mudada.

Mas isso não quer dizer que é impossível.

Uma empresa pode ter uma cultura forte e mesmo assim ter a percepção de que estamos vivendo em uma era de constante inovação, e, quando a organização compreende isso, ela torna possível que sejam realizadas alterações necessárias para estar de acordo com o mercado.

E como inovar? Bom, antes de responder essa pergunta, precisamos entender o que é a inovação.

O que é cultura de inovação

curtura organizacional para inovacao o que e

Quando uma empresa quer inovar e mudar a sua cultura, ela precisa antes de mais nada  ter objetivos claros, entender o que é inovação, e o que isso vai trazer para sua instituição.

De acordo com o  especialista em Administração e autor do livro Criatividade e Inovação, João Gonçalves Monteiro, a cultura de inovação é um conjunto de práticas e valores compartilhados que favorecem atitudes inovadoras por parte de pessoas e organizações.

O autor ainda descreve as duas dimensões dessa cultura: a primeira é a interna, que diz respeito à própria organização, e a segunda é a externa, que se refere ao setor e a sociedade.

Nesse texto nós focaremos na parte interna da cultura da inovação. E eu quero começar desmistificando o principal mito que envolve essa palavra.

Inovação é o mesmo que adotar uma nova tecnologia?

Mais ou menos. Inovar envolve bastante tecnologia, mas não é só isso. Lembra que mais acima eu te falei que uma cultura é moldada por pessoas?

Então, para o Luiz Buono, fundador da agência de Comunicação Dirigida e Digital Fábrica, o sucesso da inovação depende muito mais das pessoas do que a simples inserção de tecnologias na rotina:

“Quando falamos em inovação é preciso ter em mente que ela só é feita de uma forma eficiente se a empresa quebrar as amarras e os modelos de gestão arcaicos. Não adianta ter equipamentos modernos para auxiliar as equipes se a empresa não construir um ambiente colaborativo e multidisciplinar”, disse ele em entrevista para a o Blog da PontoTel.

Como vimos, a cultura da inovação é um trabalho construído diariamente. A cultura da inovação não é algo visível, ela é um conjunto de renovações feitas dentro da empresa no dia a dia e envolve coisas além da tecnologia, como as regras da instituição e os seus os valores. Tudo isso deve ser observado e faz parte da cultura da inovação.

Então, se eu puder usar uma definição simples para a cultura da inovação, eu diria que ela é um novo método que vem sendo implantado por diversas empresas, e o seu foco é sempre o futuro.

Mas, vale ressaltar que a cultura da inovação é bastante ampla, e você pode desenvolvê-la de diversas formas. Vamos ver como você pode começar a inovar na sua empresa?

Como desenvolver e manter a cultura da inovação

curtura organizacional para inovacao como desenvolver e manter

Primeiro eu quero lembrar que para inovar, uma empresa precisa ter em mente que muito mais importante do que adotar novos processos, é incentivar as pessoas que farão parte dele. Isso porque são as pessoas inovam dentro do ambiente e que conseguem transferir a ideia para a prática diária.

Dessa forma, se sua empresa está iniciando esse processo de inovação, todos devem estar na mesma sintonia. Quando esse processo é iniciado, a primeira pergunta a se fazer é: quanto será que a minha cultura organizacional está inclinada para inovação?

Por quê essa pergunta?

Bom, como eu te disse, a inovação é um processo longo que não é feito da noite para o dia, e devemos lembrar que, na maioria das vezes, as pessoas não estão abertas para mudanças e possuem dificuldades em se adaptar.

Depois de ter isso muito bem claro para todos da empresa, é hora de começar a implantar a  inovação aos poucos, etapa que vou te explicar melhor no próximo tópico.

Fatores de sucesso para uma cultura organizacional inovadora

curtura organizacional para inovacao fator de sucesso

Algumas empresas são campeãs em promover a cultura da inovação dentro da organização. A Apple, grande fabricante dos aparelhos celulares Iphone, é uma dessas empresas que são referência quando falamos sobre ter uma cultura organizacional inovadora.

Sabe por quê? Ela é um exemplo claro de uma empresa que possui uma cultura que ao mesmo tempo que é forte, está aberta à inovação, adaptação e flexibilidade.

Durante uma entrevista a um programa de televisão americana, o seu cofundador Steve Jobs disse que, para a inovação acontecer, você tem que ser gerido por ideias e não por uma hierarquia, e ressaltou que as melhores ideias têm que vencer dentro da empresa.

Muitas empresas costumam descredibilizar as ideias de pessoas pouco experientes, mas, para Luiz, as melhores ideias podem vir dos profissionais mais jovens “os jovens estão cada vez mais atualizados e conectados com o mundo, se juntar isso com o conhecimento de negócios e gestão dos mais experientes as empresas terão uma equipe muito mais motivada, eficiente e capaz de utilizar as tecnologias para inovar. Mas tudo começa da comunicação”, explica ele.

Outra empresa bastante famosa por inovar é a 3M, a fabricante do famoso post-it, as notas autoadesivas presente em muitos escritórios. Ela é reconhecida por muitos como uma instituição que possui a inovação em seu DNA.

Uma das coisas que a 3M inovou dentro da sua empresa foi no método para estimular as ideias de seus colaboradores, concedendo 15% do tempo do seu expediente para os funcionários pensarem em projetos e ter ideias que possam agregar algo à empresa.

E por que eu estou te contando isso? Essas duas empresas são bastante famosas, e elas mostram que ter flexibilidade e estar adepto a novas ideias partindo de qualquer pessoa, independente de cargos, são fatores essenciais para inovação.

Essas duas coisas dizem respeito a outros fatores determinantes para promover uma inovação na sua organização, vamos ver.

Valores

Os valores de uma empresa são como um pilar que sustenta a organização. Eles possuem grande importância para toda a empresa. Ainda utilizando o exemplo da Apple, a multinacional valoriza as ideias dentro da empresa, e essa cooperação pode ser entendida como um valor nesse caso.

Por isso, para sua empresa ter uma cultura inovadora, ela deve valorizar coisas positivas como a comunicação, a cooperação e, principalmente, a valorização dos funcionários.

Visão

curtura organizacional para inovacao visao

A visão de uma cultura organizacional inovadora precisa ser clara e objetiva. Como exemplo, um dos questionamentos que a empresa deve fazer é: onde ela quer estar no futuro? Quais são os objetivos a serem alcançados e como os funcionários podem contribuir para isso?

A sua visão também precisa  ser inovadora e estratégica, como analisar o que a empresa não tem agora mas que conseguirá obter com esse processo de inovação.

Transparência

A transparência é uma das bases de qualquer empresa, isso por que a relação dela com os colaboradores não pode ser baseada em desconfiança. Tudo precisa estar claro.

Uma empresa transparente consegue solucionar os problemas em conjunto, que tem uma ampla comunicação com todos que trabalham nela e que leva essa transparência para outros âmbitos, como por exemplo o controle de ponto.

O que o controle de ponto  tem haver com transparência? Olha, bastante coisa.

O controle de ponto garante a  transparência na relação entre colaborador e empresa, pois registra todas as jornadas de trabalho e faz com que nada seja extrapolado, além de ajudar que seus colaboradores recebam por suas horas trabalhadas corretamente.

Outro quesito envolvendo transparência que também é bastante importante é o quanto você está aberto para que seus funcionários sejam transparentes com você, para que seja possível apontar quando algo não está indo bem.

Respeito à qualidade de vida

curtura organizacional para inovacao qualidade de vida

Você já deve ter visto empresas com grandes salas de descompressão, com mesa para jogos entre outras coisas. Isso com certeza é uma inovação no ambiente de trabalho que traz qualidade de vida para os funcionários.

Mas o respeito por essa qualidade de vida dos funcionários vai muito além de ter alguns objetos no ambiente. Respeitar a qualidade de vida do colaborador é todo um conjunto de coisas, como por exemplo respeitar os horários de trabalho, não exigir que seus funcionários “se matem de trabalhar”, e não ter um ambiente tóxico com um péssimo clima organizacional.

Uma empresa gostosa de se trabalhar com um bom clima faz com que seus colaboradores sejam motivados diariamente, e não acumulem problemas em relação ao trabalho. Imagina que a gente já tem muitos problemas na vida pessoal, e acumular mais no trabalho faz com que seus funcionários percam totalmente a qualidade de vida, andem estressados e não produzam.

Falando em produzir, os processo da sua organização também tem que serem revistos se você deseja mudar a sua cultura organizacional.

Processos

Sabe qual é o maior erro que as empresas cometem quando começam a inovar? Não abrir mão dos processos rígidos que ela possui.

Algumas instituições exigem que uma atividade simples passe na mão de muitas pessoas. Você sabe o que isso causa? Atrasos, retrabalho e acaba criando uma cultura da burocracia.

E como é possível inovar nos meus processos então?

Agora sim a tecnologia é extremamente importante e pode contribuir para que seus processos se tornem mais rápidos.

De novo usando o exemplo do controle de ponto, ter um software como o da PontoTel agiliza muitas etapas no controle de jornada. Nele, você pode verificar em poucos cliques quais são as barreiras da sua empresa com relação a jornada de trabalho dos colaboradores, saber quais setores mais sofrem de absenteísmo e identificar setores super carregados.

Os horários de trabalho de sua empresa com certeza é um dos indicadores principais dos problemas, por isso que fazer uma boa gestão dele contribuirá para diversos setores dentro da organização.

Um outro ponto de inovação nos processos, mas dessa vez fora da empresa, diz respeito ao jeito que você resolve problemas.

Se você trabalha com um produto e tem dificuldades de organizar os chamados de seus clientes, o recomendável é apostar em um suporte com instruções onlines, ou até mesmo em um software de atendimento ao cliente.

Atenção! A partir de agora, todos os fatores de inovação que eu vou falar dizem respeito a parte de dentro da sua organização.

Preparados? Então continue comigo e vamos aos próximos tópicos.

Regras

Claro que todas empresas possuem uma norma de conduta que é extremamente importante para que ela tenha um conjunto de regras. Se você pensa que uma instituição inovadora não possui regras, está claramente enganado.

O ponto aqui é que, mesmo que a sua empresa tenha regras, elas não podem ser atrasadas, e impedir que seus funcionários se desenvolvam.

Algumas empresas, por exemplo, não permitem que seus colaboradores levem xícaras de café para a mesa, mesmo que muitas pessoas vêem no café um grande aliado de sua produtividade. Então porquê não permitir que os colaboradores levem cafés para as mesas, e ao mesmo tempo criar uma regra para que tenham cuidado?

É muito mais fácil quando as regras de uma empresa são sensatas, pois pode acreditar que, dessa forma, ela acaba inibindo certos comportamentos.

Ambientes

curtura organizacional para inovacao ambientes

Você já visitou algum coworking? Os espaços compartilhados de trabalho são um grande símbolo da inovação. E você já reparou o quanto eles são mais descontraídos, ou que possuem mesas extensas que ajudam os seus frequentadores a conhecer novas pessoas?

Calma, eu não estou dizendo que a sua empresa deve se mudar para um coworking, mas sim que um ambiente mais criativo e um pouco diferente pode te ajudar a inovar e fazer com que seus colaboradores façam um networking constante um com os outros.

Claro que a arquitetura de cada instituição diz respeito à ela, mas pense nesse caso: a sala de descompressão que falamos mais acima, que pode ser usada em momentos de pausa no trabalho, com certeza faz com que seus funcionários voltem mais engajados e motivados depois de aliviar o stress no almoço.

O seu ambiente e a sua infraestrutura têm que ser compatíveis com a sua inovação, afinal, nós passamos boa parte do nosso dia no trabalho, e se não estivermos confortáveis, isso será algo bem desagradável.

Flexibilidade

A lista foi longa, mas chegamos ao último fator, e talvez até mesmo o mais importante.

Flexibilidade é a palavra chave da inovação. Ter uma cultura flexível, tolerante a erros e livres das amarras das hierarquias criam um ambiente inovador, sabe por quê?

Faz com que as ideias floresçam de todos os cantos, e é aí que começa a inovação na sua empresa, pois ela acontece de dentro para fora.

Existem muitas coisas que uma empresa pode adotar para ter uma cultura mais flexível. Ser flexível é entender que, às vezes, uma coisa pode não dar certo, e a melhor atitude a ser tomada é não desmotivar o colaborador, e sim incentivar para que ele faça melhor na próxima tentativa.

Outro erro bastante comum, é a falta de flexibilidade na jornada de trabalho. Com horários muito quadrados é possível que os funcionários se atrasem de vez em quando.

Toda empresa precisa entender que imprevistos acontecem, e, ao invés de punir o funcionário por um eventual atraso, ela deve criar um espaço para  diálogo e entender os motivos, por isso, a tolerância à pequenos atrasos pode mudar bastante o cenário da sua empresa.

Mas não é só isso, muitas vezes os funcionários precisam sair mais cedo ou entrar mais tarde, ou até mesmo se ausentar por um dia. Por isso, adotar uma ferramenta de banco de horas junto ao controle de jornada, dá mais flexibilidade para sua empresa e evita o desgaste das relações com os seus colaboradores.

Gestão do tempo

curtura organizacional para inovacao gestao de tempo

Todas as coisas que falamos acima não serão possíveis se a sua empresa não fizer uma boa gestão do tempo para adequar o seu processo de inovação com a rotina da sua empresa.

A gestão do tempo é definir dentro de cada jornada quanto tempo seus funcionários gastam para tal atividade. Se você quer que eles participem de um curso por exemplo, eles precisam ter tempo para isso, sem que essa atividade atrapalhe as suas atividades habituais.

Outra coisa é que é preciso estar atento para não pedir dez atividades “para ontem” de uma vez, e mudar essa mentalidade ajuda a sua empresa a ser inovadora.  É preciso que seus funcionários tenham tempo para ir ao banheiro, tempo para almoçar e para tomar um café por exemplo.

E como administrar tudo isso?

Controle de jornada como motivador para adaptar rotina de trabalho

curtura organizacional para inovacao controle de jornada como motivador para adaptar a rotina de trabalho

Eu sei que já falei do controle de jornada mais acima, mas eu gostaria de reforçá-lo em um tópico especial.

Além de transparência e flexibilidade, o controle de ponto também é uma maneira de motivar os seus funcionários a melhor adaptarem a sua rotina de trabalho. Ele indica coisas importantes para você sobre sua empresa.

Um bom exemplo é aquele do atraso. Se você ver que algumas pessoas não conseguem entrar às 9h, então que tal tentar às 10h?  O controle também te ajuda a perceber onde se registram mais horas extras, e é um grande indicador de como anda a produtividade na sua empresa.

Fazendo esses pequenos ajustes, você pode utilizar o controle de tempo ao seu favor com ações que podem corrigir essas barreiras.

Conclusão

curtura organizacional para inovacao conclusao

Eu espero que você tenha feito uma ótima leitura desse texto, e que tenha surgido várias ideias de ações inovadores na sua cabeça enquanto você lia.

Nesse artigo nós entendemos o que é uma cultura organizacional inovadora, quais são os fatores que podem levar a sua empresa ao sucesso da inovação, como desenvolver e como usar ferramentas tecnológicas como o controle de jornada ao seu favor.

Lembre-se: a inovação leva tempo, mas não é algo impossível de se alcançar. Dê o primeiro passo, agende uma demonstração do sistema da PontoTel e veja como a tecnologia pode mudar as coisas na sua empresa.

yH5BAEAAAAALAAAAAABAAEAAAIBRAA7 - Cultura Organizacional para Inovação: Como Promover na sua Empresa

Rolar para cima
WhatsApp chat

Receba todas as novidades do nosso blog

Inscreva-se na nossa newsletter
e receba matérias exclusivas
no seu email

popup newsletter teste5 3 - Cultura Organizacional para Inovação: Como Promover na sua Empresa

Não saia agora! Venha conhecer o PontoTel

O aplicativo de controle de ponto em tempo real
que você economiza tempo e dinheiro com cálculos automáticos e gestão de ponto completa.