[GUIA] Entenda a importância da gestão de equipes para a sua empresa!

Você sabia que uma boa gestão de equipes pode melhorar a produtividade de seus colaboradores?

Todavia, isso não acontece da noite para o dia. É necessário muito planejamento e pesquisa interna para entender a melhor forma de executar as práticas da gestão de equipes na sua empresa. 

Além da gestão de equipes ser uma forma de melhorar o engajamento dos colaboradores, essas práticas não envolvem apenas os líderes de cada equipe, mas também o setor de RH.

A gestão de equipes externas, por exemplo, é uma tarefa que faz parte do dia a dia do RH, que precisa garantir o acompanhamento da jornada de trabalho destes colaboradores. 

Para isso, é necessário uma excelente comunicação interna, não só entre a empresa e o colaborador, mas também entre os times de cada área. 

Nesse texto, vamos explicar o que é a gestão de equipes, suas principais vantagens e como aplicá-la no seu time. Veja os tópicos que iremos abordar:

Boa leitura!

banner pontotel acompanhamento em tempo real

O que é a gestão de equipes?

A gestão de equipes acontece a partir de práticas aplicadas pelos líderes dos times. Essas práticas visam melhorar a produtividade dos colaboradores, sempre motivando-os para atingir melhores resultados. 

Cuidar dos colaboradores é uma tarefa fundamental para qualquer empresa. Afinal, os funcionários são os principais responsáveis por garantir bons resultados para a organização, sempre com o apoio de bons líderes. 

Por isso, gerenciar os times da empresa significa garantir bem estar, motivação e qualidade de vida aos funcionários!

RH: Dicas para melhorar a gestão de equipes na sua empresa

Para que seja efetiva, a gestão de equipes precisa ser bem estruturada. Essa é uma grande dificuldade para algumas empresas que não possuem uma cultura organizacional, missão, visão e valores ou objetivos estratégicos estabelecidos, por exemplo.

Afinal, a gestão de equipes envolve garantir a manutenção dos processos da empresa. Nos próximos tópicos, confira algumas dicas práticas para melhorar o gerenciamento dos times na sua empresa.

Tenha um líder capacitado 

O líder responsável pela gestão de equipes precisa ser um profissional com algumas características. Isso, pois o líder deve guiar a equipe e incentivar cada colaborador a estar aprimorando as suas habilidades constantemente. 

Colaboradores motivados são inspirados por excelentes líderes. Em vista disso, um bom líder precisa estar sempre se desenvolvendo para se adaptar às tendências do mercado de trabalho.

O conceito de liderança foi mudando ao longo dos anos. Certamente, quem era considerado um bom líder na década de 90, não seria um bom líder em 2021. Por isso, ter facilidade para se adaptar e gostar de aprender são características fundamentais para realizar a gestão de equipes. 

Outra característica importante é ter equilíbrio emocional e saber lidar com situações desconfortáveis. No meio de uma crise, por exemplo, o líder não pode perder a postura, pois precisa ser a pessoa que vai tranquilizar o seu time, e encontrar soluções para superar aquele empecilho. 

Muitos líderes são mentores, e ensinam muito para os liderados. Isso só acontece, pois esse líder tem capacidade técnica da área em que atua, além da habilidade de ensinar para os outros.

O conhecimento do líder deve ser sempre compartilhado para o time. Dessa forma, todos os colaboradores irão evoluir juntos, aprendendo com seu mentor. 

Saber ouvir também é de extrema importância para um bom líder. Afinal, a gestão de equipes funciona como uma troca: o líder entende as necessidades do time e desenvolve ações para oferecer um gerenciamento mais adequado. 

Processo seletivo assertivo

A gestão de equipes precisa começar muito antes da contratação de um novo talento para a empresa. Dessa forma, é importante construir um processo seletivo que busque encontrar profissionais que atendam aos requisitos da vaga e se encaixe na cultura e fit organizacional. 

Mas, como assim?

Bom, toda empresa tem um propósito, e expressa isso a partir de sua cultura, clima, missão, valores e visão. Encontrar profissionais que busquem objetivos semelhantes com o da organização diminuem os riscos deste talento se decepcionar com o dia a dia no ambiente de trabalho. 

Para isso, recrutar e selecionar candidatos a partir de um processo estruturado é uma das principais dicas. 

Forneça feedbacks para os seus colaboradores

Estabelecer a cultura do feedback na empresa ajuda os colaboradores a entenderem quais são seus pontos fortes e quais são os pontos em que precisam melhorar. 

No entanto, só é possível saber os pontos fracos de um candidato quando se tem uma gestão de equipes estabelecida. 

O feedback também é importante para que a organização escute de seus funcionários o que os aborrece e o que os deixam contentes. 

Investigar os gargalos de uma empresa e criar planos de ação auxilia no aumento da produtividade dos colaboradores. No entanto, para que isso seja possível, os líderes responsáveis pelo feedback precisam saber ouvir, além de dar voz para os funcionários. 

Organize feedbacks mensais, trimestrais ou semestrais na sua empresa. Isso pode ser feito a partir de reuniões individuais com cada funcionário e também ao realizar pesquisas internas. 

Invista no endomarketing

O endormarketing é uma estratégia que busca realizar ações internamente na empresa, melhorando o engajamento e perspectiva dos colaboradores sobre a organização.

Para a execução de uma estratégia, é necessário que as áreas do marketing e RH trabalhem juntas. Além do mais, é necessário um investimento no planejamento para que seja possível promover ações de engajamento, motivação, reconhecimento, incentivos à formação profissional, entre outros.

Mas, por que é importante a sua empresa focar no endomarketing? 

É comum vermos profissionais desmotivados e chateados com o dia a dia no trabalho.  Como falamos ainda nesse texto, isso faz com que o rendimento caia e a empresa como um todo perca em desempenho também.

Os funcionários são os principais responsáveis pelo sucesso da organização, logo, é importante ter um olhar especial para eles.

É necessário fazer com que antes que a empresa seja conhecida e querida externamente, que internamente essa cultura também exista.

Quando os colaboradores conhecem a empresa que trabalham, gostam e querem vê-la com sucesso, inicia-se um discurso alinhado sobre a empresa. Dessa forma, a visão que os funcionários têm do local onde trabalham irá melhorar.

Por isso, é importante ter um olhar sobre os funcionários e estratégias como endomarketing podem auxiliar nesse cuidado.

Benefícios: por que fazer a gestão de equipes?

A gestão de equipes, além de melhorar a performance dos colaboradores também oferece outros benefícios para a empresa, como: 

  • Alinhamento entre os times;
  • Possibilidade de analisar o rendimento dos colaboradores;
  • Engajamento dos profissionais;
  • Clima organizacional favorável e muito mais!

Veja mais sobre isso a seguir.

Alinhamento entre os times

Garantir que a comunicação interna esteja em dia na empresa é sempre um grande desafio para o RH. Ao colocar a gestão de equipes em prática, a comunicação entre os membros de cada time tem a tendência de melhorar.

O alinhamento entre os times em relação a quais são os objetivos da empresa a curto e longo prazo é um dos benefícios que um bom gerenciamento traz para a empresa. Quando todos têm um propósito claro, fica muito mais fácil saber qual será o plano de ação para atingir as metas.

Possibilidade de analisar o rendimento dos colaboradores

Os indicadores de desempenho são sempre muito importantes para realizar uma avaliação completa da performance dos colaboradores.

 A gestão de equipes possibilita que os gestores de cada área tenham uma visão aprimorada de seus funcionários, Dessa forma, faz com que seja possível a análise de rendimento de cada colaborador.

Tudo isso, ajuda a criar estratégias e encontrar gargalos nos processos que já existem na empresa. Essas informações podem ser utilizadas para o desenvolvimento de uma estratégia que melhore ainda mais o rendimento dos colaboradores.

Imagine um funcionário que sempre teve uma performance muito boa em relação às suas tarefas do dia a dia. E, de repente, o seu rendimento começa a diminuir. Claro, que é comum que os colaboradores não apresentem alta performance durante o ano todo, afinal, ninguém é perfeito. 

No entanto, a partir da análise de rendimento, o gestor consegue observar que a queda de desempenho desse profissional tem sido uma constante. Em vista disso, é hora de ter uma conversa com esse colaborador e buscar entender quais foram os motivos que o levaram a isso. 

São muitas possibilidades, como: problemas pessoais, descontentamento com os colegas de equipe, falta de reconhecimento, baixa motivação, falta de feedback, falta de liderança, e por aí vai.

Ao conversar com esse colaborador, é possível entender seus motivos e sanar esses problemas.

Por isso, é essencial fazer a análise de rendimento. Com a gestão de equipes, é possível ter um panorama completo do time, algo que não aconteceria caso as práticas desse tipo de gerenciamento não fossem aplicadas.

Engajamento dos profissionais

Ter funcionários que trabalham com um propósito e entendem as metas da empresa significa estar à frente de seus concorrentes. A interação entre as equipes e a troca de experiências é outro benefício que vem com a gestão de equipes. 

Por consequência, os colaboradores irão trabalhar em equipe e atingir os objetivos estabelecidos em grupo. 

Isso não abrange somente as metas da organização, mas também eleva os profissionais a outro nível, já que estão sempre aprendendo com seus colegas. 

Clima organizacional favorável 

Funcionários motivados e satisfeitos com a empresa, por consequência, acabam colaborando para um ambiente de trabalho harmônico. 

A gestão de equipes, quando bem feita, colabora para a manutenção do clima organizacional, fazendo com que a organização seja sempre um ótimo local para trabalhar. 

Gestão de equipes externas: como fazer?

Para realizar a gestão de equipes de colaboradores externos ou que trabalham em home office você vai precisar de objetivos claros e bastante monitoramento. 

A melhor maneira de gerir equipes externas é através de sistemas de gerenciamento de projetos e controle de ponto. 

Veja, um sistema de gerenciamento de projetos ajuda os líderes de cada time a terem um  panorama geral de como andam as atividades de sua equipe. Isso possibilita observar quais tarefas estão sendo finalizadas e quais estão levando muito tempo. 

Dessa forma, um sistema para gerenciar projetos evita também que reuniões desnecessárias aconteçam. Afinal, todos poderão visualizar o andamento de projetos ou tarefas a partir do sistema. 

Outro ponto é a comunicação, que acaba se tornando horizontal, o que facilita no alinhamento dos times. 

Já um sistema de controle de ponto realiza o acompanhamento da jornada de trabalho dos colaboradores externos ou que estão de home office. Com a pandemia do COVID-19, muitas empresas precisaram migrar para o modelo de trabalho home office, em vista de garantir a segurança de seus colaboradores. 

Sem a possibilidade de um planejamento prévio, o RH teve o grande desafio de continuar o acompanhamento dos horários de cada colaborador à distância. Empresas que utilizavam um controle de ponto manual, mecânico ou REP, precisaram interromper todo o monitoramento. 

A grande indagação era: como vou realizar o controle da jornada se o meu colaborador não está na sede da empresa para bater o ponto?

Organizações que estavam adeptas à inovação e modernidade, já utilizavam um controle de ponto online. Portanto, os desafios do home office foram outros. 

Agora, se você ainda não conhece o controle de ponto online, vamos explicar como funciona e como ele pode ajudar a sua empresa a reduzir custos.

Conheça o PontoTel: controle de ponto online

O PontoTel oferece diversas funcionalidades para a gestão de equipes internas e externas. Para fazer o registro da jornada, basta que o colaborador tenha acesso a um computador, tablet ou celular. 

Uma das maiores vantagens é que o gestor pode visualizar em tempo real as marcações de ponto. Além disso, o sistema possui 6 medidas de segurança, incluindo voz, reconhecimento facial e localização. Tudo isso evita erros ou fraudes na folha de ponto

Outra vantagem do PontoTel é que o sistema possui integração com outros softwares de RH, como o da folha de pagamento. Assim, os registros de ponto ficam armazenados na folha de ponto online e podem facilmente serem extraídos para outro sistema.

Ah, e além de garantir a gestão de ponto, o PontoTel também ajuda na gestão de equipes. Os nossos clientes têm acesso a 30 relatórios com indicadores de RH, que ajudam a avaliar o desempenho dos colaboradores, taxas de absenteísmo, faltas, atrasos, e muito mais!

Lembra que falamos que um sistema de controle de ponto online ajuda a sua empresa a reduzir custos? Veja como o PontoTel pode ajudar o seu RH:

  • Diminuição de gastos com erros na folha de pagamento; 
  • Controle fiel das horas trabalhadas; 
  • Redução de custos com horas extras indevidas;
  • Diminuição de passivos trabalhistas;
  • Redução de gastos com manutenção e infraestrutura.

Agende uma demonstração e fale com um de nossos especialistas, eles estão prontos para apresentar a melhor solução de marcação de ponto do mercado!

Conclusão

Ao longo da sua leitura explicamos o que é a gestão de equipes, e quais são as principais dicas para aplicar as práticas desse tipo de gerenciamento na sua empresa. 

Aqui, você viu que tudo isso pode oferecer o aumento da produtividade de seus colaboradores, melhorias no engajamento das equipes e também um clima organizacional agradável. 

Ademais, também te mostramos como um sistema de ponto online, como o PontoTel, garante vantagens para a sua empresa. 

Gostou desse texto? Não deixe de conferir outros artigos em nosso blog!

Compartilhe em suas redes!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Rolar para cima