Negócio escalável: como funciona esse modelo de gestão e suas principais vantagens!

imagem de um homem segurando uma folha com um gráfico

Hoje em dia é comum ver empresas crescerem rapidamente, e também é comum se perguntar como elas conseguem fazer isso em tão pouco tempo.

Geralmente, essas empresas possuem um negócio escalável, ou seja, elas investem em crescimento, porém, sem aumento nas despesas. 

Mas, você sabe como o negócio escalável funciona e quais as vantagens dessa estratégia para as empresas?

Neste artigo iremos responder essas e outras dúvidas sobre este assunto. Veja os tópicos que serão abordados:

Quer saber mais? Continue acompanhando o artigo abaixo!

software controle de ponto reduz processos operacionais

O que é um negócio escalável?

Um negócio escalável é aquele que consegue crescer rapidamente, sem que a empresa tenha que desembolsar altos recursos financeiros. Ou seja, as organizações conseguem atingir grandes resultados com baixos investimentos. Para entender melhor, veja os exemplos abaixo:

Se um empreendedor vende marmitas e em determinado momento há um crescimento considerável nas vendas, os custos irão aumentar de acordo com a nova demanda. 

Desse modo, será preciso comprar mais ingredientes e mais materiais para produzir as marmitas. Portanto, este não é um negócio escalável.

No entanto, se uma pessoa possui um curso on-line e a demanda pelas aulas aumentar, ela conseguirá atender todos os alunos sem que haja um aumento significativo nos custos.

Portanto, um produto escalável é aquele em que não há aumento no custo da produção, assim, o crescimento pode acontecer de forma rápida e com baixo custo.

Quais fatores determinam uma escalabilidade?

imagem de duas pessoas olhando para uma prancheta

A escalabilidade de um negócio diz respeito a empresas que oferecem produtos e serviços sem uma grande estrutura ou uma equipe.

Assim, os modelos mais comuns são startups, que possuem um modelo de negócio inovador e times enxutos. Além disso, os modelos mais escalonáveis possuem as seguintes características:

  • Ensinável: O processo produtivo precisa ser simples e claro de ser compreendido, assim, os processos podem ser repassados para todos os membros da equipe;
  • Valioso: Um negócio escalável deve conseguir atender um nicho específico no mercado, desse modo, é necessário agregar mais valor aos produtos;
  • Replicável: O modelo de negócio deve ser replicável, ou seja, deve ser possível realizar ajustes nos processos quando houver necessidade e aumentar o faturamento.

É importante ressaltar que algumas organizações não são compatíveis com esse modelo de negócio, assim, o setor industrial, tecnológico e do comércio são os que têm mais chances de escalabilidade.

Como funciona a escalabilidade de negócios?

A escalabilidade de negócios é uma estratégia que impulsiona o crescimento das empresas, além de aumentar a sua capacidade de atingir mais consumidores no mercado.

Para que essa estratégia funcione, as empresas devem atuar em um segmento que permita um crescimento rápido, sem haver um aumento das despesas.

O grande diferencial de um negócio escalável, é que as empresas adotam melhorias nos processos e conquistam mais credibilidade para a marca e como consequência, geram mais satisfação aos consumidores.

A maioria das empresas que utilizam essa estratégia, são startups, pois utilizam ideias mais inovadoras. No entanto, as ideias inovadoras por si só não são escaláveis, elas precisam de investimentos e planejamento para atingir o sucesso desejado.

Principais características de um negócio escalável

Se você deseja saber como escalar um negócio é preciso saber primeiro que, este modelo de negócio só funciona em determinados segmentos de mercado.

Por isso, preparamos uma lista com as principais características de um negócio escalável. Veja a seguir:

  • Padronização dos processos;
  • Modelo empresarial amplo e replicável para outros segmentos;
  • Produtos e serviços fabricados e entregue em grande escala;
  • Alto potencial de expansão organizacional.

Quais as vantagens desse modelo de gestão?

Até aqui já foi possível perceber que um negócio escalável proporciona muitas vantagens para a organização. 

Porém, além dos benefícios financeiros, esse modelo de negócio gera outros benefícios que iremos conferir a seguir.

Maiores chances de expansão

As empresas escaláveis apresentam características de expansão, ou seja, elas possuem um crescimento acelerado em relação a organizações mais tradicionais. 

Isso ocorre devido ao investimento em recursos tecnológicos, gestão horizontal e ao fato de elas darem grande importância para inovação nos processos. Desse modo, elas têm maiores chances de expansão no mercado.

Em contrapartida, a maioria dessas empresas estão inseridas em um cenário mais instável, por isso, é fundamental conseguir acompanhar as constantes mudanças do mercado.

Pois, se isso não for possível, a organização pode ficar para trás e ela não conseguirá atingir seus consumidores da forma que deseja.

Alta demanda

imagem de um grupo de pessoas ao redor de uma mesa olhando para papeis com gráficos

Uma das principais vantagens de um negócio escalável é gerar produtos ou serviços que sejam inovadores no mercado e capazes de atender as necessidades dos consumidores.

Portanto, criar um produto que as pessoas realmente se interessam e desejam adquirir é o grande diferencial nesse modelo de negócio. E, como consequência, haverá um aumento na procura pelo produto e a empresa tende a aumentar seus lucros.

Maior valor no mercado

As empresas que possuem um modelo de negócio escalonáveis chamam a atenção dos investidores, por isso, elas não são como empresas comuns. Isso faz com que ela tenha um valor de mercado maior e tenha mais chances de aumentar seu capital.

Além disso, por serem poucas empresas em um único segmento, elas apresentam maiores influências nos consumidores, tornando-se uma autoridade no nicho que atua.

Crescimento contínuo e qualidade em entregas

Em um negócio escalável o crescimento não pode ser feito de forma desorganizada, pelo contrário, as empresas devem se preocupar com sua essência e na qualidade das entregas, independente do seu tamanho.

Portanto, é necessário simplificar os processos, para que o crescimento ocorra com mais rapidez e fluidez.

Exemplos de negócios escaláveis

Como vimos, a escalabilidade dos negócios podem variar de acordo com o nicho de atuação das empresas. Assim, alguns segmentos são mais escaláveis que outros.

Veja a seguir alguns exemplos de negócios escaláveis:

Softwares e aplicativos

O desenvolvimento de softwares e aplicativos é um ótimo exemplo de negócio escalável. Isso porque, a produção deles pode ser realizada totalmente on-line e não exigem altos custos com infraestrutura, funcionários, entre outros.

Além disso, a entrega é padronizada para todos os consumidores. Desse modo, as organizações devem identificar uma necessidade do consumidor e criar algo que seja escalonável.

Marketplace

O marketplace é um dos modelos de negócio mais escalonáveis da atualidade. O investimento nessa ferramenta não diz respeito a venda de produtos em plataformas que já existem, mas sim, investir na criação do seu próprio marketplace.

Um marketplace é como um shopping on-line, desse modo, você deve atrair vendedores interessados em revender através da sua plataforma. 

A principal vantagem deste modelo é que não é preciso se preocupar com as entregas, pois elas são responsabilidade dos vendedores.

O faturamento é obtido através da cobrança de mensalidades dos vendedores ou de comissões a cada venda realizada. Assim, é possível que o negócio cresça rapidamente e não seja necessário realizar altos investimentos financeiros.

Cursos on-line

Os infoprodutos são um sucesso no negócio digital atualmente, pois eles possuem baixo custo de produção e eles conseguem atingir mais pessoas em qualquer lugar do mundo.

Portanto, se o seu produto for relevante para os consumidores, será possível obter um ótimo rendimento.

Como o RH ajuda a manter um negócio escalável?

Para desenvolver um negócio escalável é preciso mais que uma ideia inovadora. E para ter um crescimento adequado, também é preciso de planejamento, estratégia e metodologias adequadas.

A partir do crescimento acelerado, é comum que as empresas se percam no processo de expansão. Dessa forma, as características que tornavam a empresa única, são perdidas e ela passa a ser vista como as demais.

Para contornar essa tendência, é usado o modelo “errar rápido para agir rápido” que consiste em ciclos de aprendizados ágeis, ou seja, as empresas podem evoluir e diminuir os riscos de fracasso.

Porém, para que essa metodologia consiga ser aplicada é preciso haver mudanças em algumas áreas da empresa, principalmente, nas lideranças. E é aqui que entra o papel do RH.

Os líderes devem ter perfis que se encaixem com o negócio escalável, ou seja, não pode ser aquele líder que não aceita erros, que julga os colaboradores, que não incentiva ideias, entre outros.

Pelo contrário, no modelo de negócio escalável os gestores devem estar dispostos a assumir riscos, aprender com seus erros e buscar soluções para os problemas, juntamente com sua equipe.

Portanto, o RH deve ajudar a buscar profissionais que tenham um fit cultural com a empresa, incentivar a cultura de erros e acertos, propor atividades que trabalhem a criatividade dos colaboradores e muito mais!

Conclusão

imagem de um homem sentado segurando notas de cem reais

Como vimos ao longo deste artigo, um negócio escalável é aquele em que as empresas conseguem crescer rapidamente, sem aumentar seus custos. Essa estratégia é utilizada por grandes empresas da atualidade, como Netflix, Uber e Airbnb.

Através dessa estratégia as empresas possuem mais chances de se destacar diante dos concorrentes e conquistar mais clientes.

Se você gostou do conteúdo, não deixe de compartilhar nas redes sociais. Além disso, acesse o blog da PontoTel para ficar por dentro das novidades!

banner como funciona o software de ponto mais completo
Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima