Conheça o roadmap, seus principais tipos e como criar!

imagem de três pessoas sentadas olhando para um homem em pé falando na frente de uma lousa

Toda organização que deseja crescer precisa estabelecer alguns objetivos e metas para serem cumpridos no decorrer do tempo.

É comum que o principal objetivo de uma organização seja obter lucro, mas um objetivo estratégico vai além disso. Ele pode estar voltado a questões mais específicas como, crescimento no mercado, expansão de produtos, reconhecimento de marca, entre outros.

Para atingir esses objetivos, muitas vezes as organizações enfrentam longos percursos e é possível se perder diante de tantas adversidades e problemas que possam surgir.

Por isso, existe uma ferramenta que pode auxiliar os gestores a percorrem esse caminho de forma mais segura, evitando desperdícios de tempo, recursos e energia.

Essa ferramenta é conhecida como Roadmap e é sobre isso que vamos falar nesse artigo. 

Talvez, você não conheça a fundo sobre essa técnica. Pensando nisso, preparamos esse artigo em que iremos explicar o que é o roadmap, quais são os modelos que existem no mercado e como as organizações podem desenvolvê-lo.

Veja mais detalhes sobre o que iremos abordar:

Utilizando essa ferramenta, as organizações têm mais chances de conquistar seus objetivos dentro do prazo.

Ficou interessado em saber mais? Então acompanhe o artigo abaixo!

software controle de ponto reduz processos operacionais

O que é um roadmap?

imagem de quatro pessoas sentadas em uma mesa olhando para um computador

O roadmap é uma palavra em inglês que representa roteiro, bússola ou mapa. Portanto, nada mais é do que um roteiro com o passo a passo para a execução de um projeto. 

Esse roteiro deve conter cada tarefa a ser realizada para alcançar o objetivo desejado, e elas devem estar ordenadas de forma cronológica, informando a data da entrega de cada tarefa.

Para chegar ao objetivo final, existe um longo caminho a ser percorrido. Por isso, pode ser comum se perder nesse processo. Portanto, o roadmap é uma boa ferramenta para guiar o percurso e as ações que devem ser realizadas.

Dessa forma, é garantido que a empresa consiga chegar ao final do caminho atingindo o objetivo definido.

Para nortear cada etapa, o roadmap deve conter algumas informações como:

  • Onde a empresa está atualmente;
  • Para onde a organização está indo;
  • Onde ela gostaria de chegar.

Através dessas respostas, será possível orientar as pessoas que estão envolvidas no processo de maneira mais visual e clara.

Além disso, o roadmap é responsável por demonstrar os seguintes pontos aos gestores:

  • Função de cada colaborador;
  • O deadline de cada etapa;
  • Os resultados esperados na finalização de cada etapa do projeto.

Portanto, ao utilizar essa ferramenta, os gestores conseguem acompanhar a evolução do projeto e analisar o que ainda falta ser realizado para finalizar.

Ele é usado apenas para produto?

O roadmap é uma ferramenta de roteiro estratégico e o seu objetivo é o crescimento. Portanto, ela pode ser aplicada em diferentes situações dentro da empresa. Ou seja, pode ser utilizada tanto em roadmap de projetos específicos ou em produtos. 

Dessa forma, as grandes empresas e os autônomos, podem aplicar essa ferramenta em seus negócios. 

Nas empresas privadas, cada equipe é responsável por uma etapa. Já para os profissionais autônomos, ele é responsável pelo desenvolvimento de todo o roteiro.

Por que fazer um roadmap?

Como vimos, essa ferramenta vai ser responsável por guiar todos os colaboradores. Assim, eles podem executar suas funções visando o objetivo final.

Por meio do roadmap, os gestores conseguem identificar:

  • A responsabilidade de cada membro da equipe;
  • As metas estabelecidas e que ainda não foram alcançadas;
  • As variáveis que existem no projeto.

Quando a organização desenvolve um roadmap completo, ela consegue melhorar a comunicação entre os integrantes da equipe, pois cada uma sabe o que precisa ser feito e o gestor sabe qual a prioridade em cada fase.

Isso aumenta a produtividade e as etapas passam a ser concluídas com mais qualidade e em menor tempo.

Quais seus benefícios?

Vimos que o roadmap é uma ferramenta essencial para que a organização consiga atingir o sucesso sem se perder no meio do caminho. Ela também é responsável por conectar uma ideia com a operação da empresa.

Além disso, essa ferramenta pode oferecer outros benefícios. São eles:

  • Alinhamento dos objetivos: Com essa ferramenta é possível reunir a equipe e definir um objetivo, assim todos terão conhecimento sobre o que precisa ser feito;
  • Coordenar as equipes: Utilizando o roadmap, os gestores conseguem coordenar a mesma equipe para trabalhar em projetos diferentes, assim as entregas serão de forma simultânea;
  • Visibilidade das informações: Quando a organização utiliza o roadmap, as equipes conseguem identificar o status de cada projeto, se ele acabou de iniciar, se está perto de ser finalizado etc.

O roadmap é uma ferramenta fundamental para que as áreas consigam executar grandes projetos seguindo um roteiro. Dessa forma as entregas serão feitas nos prazos determinados.

Tipos de roadmap

imagem de uma pessoa pregando um papel em uma lousa

Essa ferramenta não é um guia definitivo, ou seja, ela pode ser alterada conforme a sua aplicação. 

Por isso, os gestores devem buscar conhecer os tipos de roadmap existentes, para escolher a melhor opção de acordo com a sua efetividade. Veja a seguir alguns exemplos de roadmap.

Roadmap de software

O roadmap de software é muito utilizado nas áreas de TI ou áreas que envolvam o desenvolvimento de softwares.

Pois, nesse setor existem muitos processos que precisam ser desenvolvidos para atingir o objetivo final. As tarefas desenvolvidas são:

  • Análise;
  • Concepção;
  • Desenvolvimento;
  • Implementação.

Roadmap tecnológico

Esse tipo de roadmap é utilizado por empresas que tem como objetivo o crescimento estratégico e aplicam determinadas tecnologias, como:

Antes de aplicar alguma dessas tecnologias na organização, a empresa deve saber qual a finalidade de cada uma delas. O roadmap auxilia os profissionais a atingirem seus objetivos através dessas tecnologias.

Roadmap de coaching

Por último, o roadmap de coaching pode ser utilizado pelos profissionais autônomos. Nesse caso, a ferramenta é utilizada para o desenvolvimento pessoal do trabalhador.

Para fazer a aplicação dessa ferramenta, é necessário que o profissional faça uma análise da sua situação atual e de onde ele deseja chegar, após isso, o roadmap ajudará a definir as etapas que deverão ser realizadas em seguida.

Métodos de roadmap

Como vimos, o roadmap é uma ferramenta que pode ser aplicada em diferentes cenários. Por isso, existem versões diferentes de acordo com a sua utilização.

A seguir, vamos abordar os diferentes métodos de roadmap.

Roadmap ágil

imagem de uma mulher escrevendo em um postit colado em uma parede de vidro

O método de roadmap ágil está relacionado com as metas e resultados que desejam ser alcançados. Nesse método é possível alinhar, antes da execução dos projetos, todas as atividades que vão ajudar a chegar no objetivo final.

Durante o percurso, as tecnologias utilizadas vão mudar, o mercado pode sofrer mudanças e isso pode impactar o projeto de forma negativa. Portanto, é necessário que a empresa saiba como lidar com essas mudanças.

Dessa forma, o roadmap ágil ajuda a entender de forma rápida quais os problemas estão sendo enfrentados e achar a solução no menor tempo.

Roadmap estratégico

As organizações fazem, no início do ano, o planejamento anual de metas e desafios que precisam ser alcançados para ter resultados positivos.

Nesse planejamento, é possível utilizar o roadmap estratégico para ser como um guia, assim será possível alcançar os resultados desejados.

O roadmap estratégico contém informações mais ricas e detalhadas sobre o que será feito em cada etapa e isso irá facilitar a execução das atividades em períodos menores e atingindo o propósito final.

Como fazer um roadmap?

Já é possível entender que o roadmap é uma técnica utilizada como um guia para atingir algum objetivo. Para que o resultado seja alcançado, é necessário definir a data de entrega para todas as atividades que fazem parte do projeto.

Através deste roteiro, as pessoas envolvidas saberão exatamente o que precisa ser feito e quando.

Por isso, vamos entender como fazer o roadmap. Veja a seguir.

Quais ferramentas são necessárias para criar um roadmap?

A vantagem de utilizar o roadmap é que ele pode ser aplicado em qualquer organização, desde multinacionais a pequenos negócios. 

Já sabemos que o roadmap é uma ferramenta versátil e que pode ser utilizada em planilhas, plataformas ou em softwares de gestão.

Vamos conhecer algumas ferramentas a seguir:

  • Runrun.it – Essa ferramenta possui um layout simples para a criação do roadmap. Nela, também é possível acompanhar o progresso das atividades. A visualização do projeto pode ser feita no modelo Kanban ou pelo Gráfico de Gantt;
  • Roadmap Planner – Nessa ferramenta, os gestores conseguem fazer o gerenciamento das equipes, analisar o status de conclusão das atividades, entre outros. Ele pode ser utilizado pelo governo, instituições de ensino, empresas privadas e muito mais;
  • ProductPlan – O productplan é utilizado para criar os roteiros de forma simples, é possível personalizar os layouts e existe a opção de fazer comentários e menções em cada quadro.

Outra ferramenta muito utilizada para fazer o roadmap é o Trello, esse recurso é muito simples e intuitivo. Outra vantagem é que ele é de graça.

Também é possível integrar o Trello com outros sistemas que a organização utilize no dia a dia.

Quais etapas envolvem um roadmap?

imagem de uma ilustração sobre como definir um roadmap

Do momento da descoberta de uma ideia até a sua aplicação, a organização vai percorrer um longo caminho. Por isso, o roadmap vai guiar essa trajetória possibilitando chegar ao objetivo sem se perder na rota.

Agora que já temos isso claro, vamos ver as etapas para desenvolver um roadmap:

Defina os objetivos estratégicos

O objetivo estratégico da organização deve estar voltado a um resultado de longo prazo. Algumas empresas podem ter como objetivo o crescimento no mercado, se tornar mais conhecida, etc.

A partir da definição do objetivo, os gestores podem desenvolver o roadmap para se guiar até o alvo. Cada objetivo deve ter um roadmap adequado.

Defina os recursos e o tempo de execução

O roadmap de produto tem a finalidade de atingir os objetivos propostos e identificar o que o cliente acha sobre o produto lançado.

Por isso, ao longo do processo, é necessário obter o feedback do cliente sobre o produto. Caso haja necessidade, a empresa tem o tempo adequado para realizar as alterações.

No início do projeto é importante fazer uma estimativa de tempo e os custos, para saber se é viável ou não seguir com ele.

Defina as equipes

Nessa etapa, os gestores devem definir quais colaboradores irão participar do projeto e quais atividades eles deverão realizar.

Para isso, é necessário avaliar quais competências são necessárias para concluir o projeto e identificar qual profissional as possui para montar as equipes.

Depois disso, os gestores deverão delegar as tarefas de acordo com as habilidades de cada funcionário.

Faça o roteiro

Se a ideia for aprovada, é chegada a hora de colocá-la em prática. Portanto, a organização precisa iniciar o desenvolvimento do roteiro. 

Dessa forma, as tarefas serão divididas em fases menores para serem concluídas no tempo estabelecido.

Com essa divisão, as tarefas serão executadas diariamente e não tem como objetivo final não ser atingido no prazo programado.

Revise o roadmap com frequência

Vimos ao longo do artigo que o roadmap é uma guia, mas ele não é definitivo. Por isso, ao longo do caminho, é necessário reavaliar a ferramenta e identificar possíveis erros de percurso que podem prejudicar o andamento do projeto.

Ao notar possíveis atrasos ou entregas que não estejam saindo como desejado, é necessário fazer ajustes na ferramenta. 

Não existe um prazo certo para a fazer a revisão, mas deve ser feita com certa frequência para não sair da rota e não conseguir atingir o objetivo.

Conclusão

imagem de duas pessoas na frente de uma mesa com postits e um dos homens apontando para eles

Neste artigo, foi possível conhecer mais sobre o roadmap e como as organizações podem desenvolvê-lo.

Além disso, ficou claro que o roadmap é uma técnica que pode ser aplicada por todo tipo de empresa. O objetivo dele é guiar as pessoas até o objetivo final. Essa ferramenta pode ser ajustada ao longo do caminho de acordo com a necessidade da organização.

Se as organizações desejam crescer no mercado e conquistar seus objetivos, o roadmap é a ferramenta ideal.

Gostou do conteúdo? Então acompanhe mais novidades no nosso blog!

banner resolver problemas com escalas de trabalho
Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima