Qual a importância de manter uma boa saúde física no trabalho?

imagem de um homem e uma mulher se alongando

Estar em dia com os cuidados da saúde é importante para ter uma boa qualidade de vida e conseguir equilibrar tanto a esfera pessoal quanto a profissional. Apesar de parecer óbvio, a saúde física é essencial para que o trabalhador entregue sua melhor performance nas empresas e, por isso, deve ser prioridade dos gestores.

Nos últimos anos, muito tem se falado sobre os cuidados com a saúde mental, mas manter bons hábitos para o corpo deve ter a mesma importância na vida de todo ser humano. Sendo assim, para que o desempenho no trabalho não seja comprometido, o bem-estar físico, psíquico e emocional precisa estar equilibrado. 

A dúvida então é como cuidar da saúde física e qual o papel das empresas no incentivo aos cuidados de seus colaboradores? As companhias podem ser essenciais para que tenhamos profissionais mais saudáveis e esse é o tema deste artigo que irá responder:

Gostou e quer saber mais? Então, continue a leitura!

banner calculo de horas

O que é saúde física?

imagem de uma mulher montando um prato de comida com frutas

Para você ser considerado um ser humano completamente saudável, é necessário que a sua saúde física, emocional e psíquica estejam em ordem. Quando falamos especialmente de saúde física, trata-se do funcionamento perfeito de todos os órgãos do corpo humano. 

A saúde física só existe quando há a ausência de doenças ou outras condições que possam comprometer as funções originais do metabolismo. Ela pode ser impactada por diversos fatores, como genética, maus hábitos, acidentes e até condições de trabalho. 

Em resumo, a saúde física engloba o funcionamento do organismo, a capacidade física, a disposição, a nutrição e a autoestima. Se todos esses fatores estiverem em equilíbrio, é possível afirmar que a saúde física do indivíduo está bem. Todavia, caso não esteja bem, a pessoa pode ter diversas esferas da sua vida impactadas negativamente, incluindo o trabalho e a vida em família.

Como cuidar da saúde física?

Os cuidados com a saúde física devem ser feitos por cada indivíduo em todos os momentos de sua vida. É bastante comum, por exemplo, a pessoa ter bons hábitos de alimentação em casa, mas acabar exagerando nos alimentos industrializados quando está na rua. O ideal é tentar seguir com os melhores costumes em todos os ambientes, incluindo, o de trabalho. 

Além dos hábitos alimentares, para manter a saúde física em dia ainda é primordial fazer exercícios físicos regularmente, dormir entre seis e oito horas por dia, fazer acompanhamento médico com check-ups periódicos e ter boas práticas na empresa, por exemplo, manter a postura, utilizar equipamentos de proteção individual, entre outros.

Quais os benefícios de ter uma boa saúde física?

Como já falamos anteriormente, qualquer sinal de desequilíbrio na saúde pode impactar diretamente a qualidade de vida, gerando momentos de desconforto e infelicidade ao ser humano. Na saúde física, os danos são ainda mais perceptíveis, pois as doenças podem impedir a realização de tarefas básicas do dia a dia.

A boa saúde física é o primeiro passo para manter uma boa qualidade de vida. Além do organismo como um todo, a Organização Mundial de Saúde (OMS) entende que outros  dois pilares são indispensáveis para o completo bem-estar das pessoas: saúde mental e social.

Por isso, mesmo que uma pessoa esteja com o mental e o social sem nenhum problema, qualquer desvio na saúde física impacta todo o restante. Ter um bom físico, ou seja, sem doenças e com características saudáveis, permite ainda a realização das atividades rotineiras, como ir ao trabalho, estudar, passear, passar um tempo com os filhos ou simplesmente assistir um filme sem sentir dores.

Qual a importância de manter uma boa saúde física no ambiente de trabalho?

A maioria das pessoas passam um período longo no ambiente de trabalho, pelo menos 8 horas de jornada, mais a pausa para o almoço, sem contar o deslocamento. Se estiver trabalhando no modelo de home office, as armadilhas são ainda maiores, pois o lar se torna também um local de trabalho.

Sendo assim, pensar na saúde física na empresa ou no escritório improvisado em casa deve fazer parte da rotina de todos os trabalhadores. Esses cuidados englobam:

  • ter um espaço adequado para trabalhar com cadeiras, mesas e outros materiais necessários confortáveis e ideais para a função que exerce;
  • manter uma alimentação saudável;
  • beber água;
  • utilizar equipamentos de segurança, quando necessário ou exigido;
  • entre outros.

Essas atitudes, que parecem ser simples, mas muitas vezes negligenciadas, fazem toda a diferença na manutenção da saúde física e na prevenção de doenças, inclusive, as laborais.

Por que incentivar a saúde dos seus funcionários?

A saúde física é então o bom funcionamento do corpo humano e, para que isso ocorra,  torna-se necessário que cada pessoa desenvolva bons hábitos e receba suporte de todas as pontas do ecossistema que frequenta, entre eles, a empresa onde trabalha.

Por esse motivo, os empregadores precisam sempre se lembrar de que, mesmo com muito apoio da tecnologia e maquinários modernos, são os seres humanos os combustíveis principais para manter uma empresa em andamento. Então, o cuidado com o bem-estar dos profissionais deve ser prioridade das companhias. 

Quando os colaboradores ficam doentes, os impactos na rotina da empresa são muitos. O principal deles é o absenteísmo, já que o funcionário não vai ao trabalho por problemas de saúde física. 

Inclusive, as doenças laborais, como Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT) estão entre as principais causas de afastamento por auxílio-doença pelo INSS (Instituto Nacional de Seguro Social) no Brasil. 

Os distúrbios psicológicos figuram também entre o motivo de falta dos trabalhadores, entretanto, as doenças físicas se destacam pela sua característica de agir justamente no corpo humano, incapacitando até a locomoção dos profissionais.

A prioridade de todas as ações da companhia para a manutenção da saúde física do colaborador deve ser sempre o bem-estar do ser humano por trás daquele profissional tão essencial para as demandas da companhia. 

Porém, ainda é importante destacar que, quando a taxa de absenteísmo de uma empresa é alta, a produtividade das equipes é prejudicada, podendo trazer resultados negativos para o negócio como um todo. 

Outro ponto diferencial é que cada vez mais os melhores talentos do mercado buscam um equilíbrio entre vida pessoal e profissional e empresas que investem em ações de bem-estar costumam construir uma imagem corporativa positiva no mercado de trabalho. 

Dicas de como melhorar a saúde física dos seus funcionários

imagem de quatro mulheres se exercitando

Agora que você já entendeu a importância, deve estar se perguntando: como cuidar da saúde física dos funcionários da minha empresa? Apesar de não ser uma obrigação das empresas olhar totalmente para a saúde física dos colaboradores, é essencial promover algumas ações que ajudem o colaborador a desenvolver bons hábitos e ter oportunidades de acesso à saúde. 

Abaixo, elencamos algumas dicas de como incentivar e auxiliar os funcionários da sua empresa para a manutenção de uma boa saúde física. Confira!

Ofereça planos de saúde

Um dos benefícios mais procurados pelos profissionais ao escolher em qual empresa trabalhar é o plano de saúde. Com os valores altos, muitos não podem pagar o convênio médico do próprio bolso e contar com esse aporte feito pelo empregador é importante.

Sempre que possível inclua na sua cartela de benefícios um plano de saúde para seus colaboradores e dependentes. Com acesso ao sistema de saúde, há uma probabilidade maior de que os profissionais cuidem da sua saúde física e mental, visitando médicos quando for necessário. 

Em algumas empresas, é comum ainda oferecer plano de saúde odontológico para um olhar completo para o bem-estar físico. 

Ofereça refeições saudáveis

Se a sua empresa tem um refeitório ou um espaço para café, opte sempre por oferecer refeições saudáveis para os colaboradores. Mesmo que seja um espaço no qual os profissionais precisem pagar pelos produtos, contar com uma variedade de comidas de boa qualidade auxilia na escolha consciente dos alimentos para consumo.

Muitas companhias ainda disponibilizam frutas, cereais e outros alimentos saudáveis no ambiente de trabalho, para que o colaborador consuma durante o dia e nos seus intervalos para o café. 

Caso não haja um espaço específico para alimentação na sua empresa, o vale-refeição ou alimentação também é aliado importante para o desenvolvimento de bons hábitos. 

De maneira geral, as comidas saudáveis e menos industrializadas são mais caras e, desta forma, incentivar o consumo desses produtos também é papel do empregador, que pode auxiliar com um bom benefício. 

Crie uma cultura organizacional com foco na qualidade de vida dos colaboradores

A construção de bons hábitos e, principalmente, o abandono de costumes desenvolvidos por anos e anos de nossas vidas não são tarefas fáceis. Por isso, a conscientização sobre a importância do cuidado com a saúde física e o bem-estar emocional deve ser uma das prioridades de todas as empresas. 

Para isso, tenha uma equipe de recursos humanos que olhe para a qualidade de vida do seu colaborador e aposte em uma comunicação interna eficaz, que leve informações de qualidade para os profissionais. 

Atualmente, existem aplicativos de bem-estar e qualidade de vida com funções gratuitas ou pagas que auxiliam as pessoas nesse processo de desenvolvimento de bons hábitos. Por isso, é legal incentivar a utilização dessas ferramentas.

A criação de grupos entre colegas de trabalho para a realização de atividades físicas também pode ser um aliado da saúde do colaborador. A empresa pode desenvolver aos poucos uma cultura organizacional na qual a qualidade de vida é o foco central das atenções.

Incentive pausas ao longo do dia

A dor nas costas, por exemplo, é um dos problemas físicos que mais acometem os profissionais e que podem ser evitados com ações simples como fazer pausas ao longo do dia. É comprovado cientificamente que nenhum ser humano é capaz de produzir por horas a fio sem fazer algumas pausas.

Por isso, incentive que seus colaboradores façam algumas pausas programadas, a cada hora por exemplo, para dar uma volta, levantar da cadeira, tirar os olhos da frente da tela do computador, beber água, entre outras atividades.

Pequenas atitudes como essa podem ajudar na prevenção do aparecimento de doenças laborais e melhorar qualidade de vida e produtividade do profissional. 

Aposte na ginástica laboral

A ginástica laboral é uma modalidade especialmente desenvolvida para ser realizada dentro do ambiente de trabalho e que tem como objetivo principal melhorar a saúde dos profissionais e evitar o aparecimento de doenças desenvolvidas pelo exercício do trabalho, ou seja, as enfermidades ocupacionais. 

Investir nessas atividades traz benefícios para a empresa e com custos não tão altos se comparados com as vantagens. Existem empresas especializadas neste tipo de ginástica que pode ser realizada dentro da empresa ou mesmo de forma remota, por videoconferência. Vale destacar que a ginástica laboral também pode e deve ser feita pelos colaboradores que trabalham de casa. 

Conclusão

imagem de cinco pessoas em pé conversando

Em resumo, a saúde física é o bem-estar e o pleno funcionamento do organismo humano. Pode-se afirmar que um indivíduo é saudável fisicamente quando todos os órgãos estão cumprindo suas funções, sem nenhum problema ou impacto negativo na qualidade de vida do ser humano.

É bem comum que trabalhadores e empregadores descuidem da saúde física no ambiente de trabalho, pois costumam focar totalmente na execução das tarefas primordiais da empresa. 

Porém, a falta de cuidados e bons hábitos durante o período de seis a oito horas de trabalho pode ser muito prejudicial à saúde, com o desenvolvimento até de doenças laborais.

Sendo assim, é papel de toda companhia investir não apenas na conscientização dos colaboradores, mas também no oferecimento de ferramentas e benefícios para que cada um possa cuidar da saúde física e mental com mais tranquilidade. 

A cultura organizacional com foco em qualidade de vida talvez seja o caminho mais seguro para criar profissionais mais saudáveis e, consequentemente, mais produtivos.

Gostou deste artigo e quer ler mais conteúdos como esse? Acompanhe o blog da PontoTel e fique por dentro das novidades. 

controle de jornada digital e gestao de pessoas
Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima