Healthtech: saiba o que é, sua importância para a saúde e quais tecnologias que ela oferece
BLOG
Time Pontotel 6 de fevereiro de 2023 Controle de ponto
Healthtech: saiba o que é, sua importância para a saúde e quais tecnologias que ela oferece
O que é healthtech? As healthtechs são empresas capazes de criar uma gama de soluções benéficas para a área da saúde. Entenda mais sobre essa solução!
img of Healthtech: saiba o que é, sua importância para a saúde e quais tecnologias que ela oferece

Por meio de soluções como softwares de gestão hospitalar, aparelhos para cirurgias virtuais e telemonitoramento, uma healthtech traz uma infinidade de vantagens para a área da saúde.

Quando as clínicas e os laboratórios, por exemplo, utilizam-se dessas soluções tecnológicas, conseguem atender com maior eficiência, reduzir custos operacionais, automatizar processos e humanizar o atendimento aos pacientes.

Além disso, no Brasil, considerado o maior mercado de saúde na América Latina, o setor de healthtechs tem crescido ao longo dos anos. Por isso, para entender melhor sobre o assunto, você irá conferir neste conteúdo:

Boa leitura!

banner pontotel acompanhamento em tempo real

O que é uma healthtech?

Uma mulher tocando em uma lousa transparente com ícones de órgãos do corpo humano

Uma healthtech é uma empresa que desenvolve uma gama de soluções tecnológicas para a área da saúde. Sua atuação no mercado é bem ampla, uma vez que ela moderniza clínicas, hospitais e consultórios médicos.

Para criar tais soluções, as healthtechs utilizam-se de certas tecnologias. Algumas delas são:

  • Data analytics: processo por meio do qual se examina um conjunto de dados com a finalidade de obter conclusões, como padrões, oportunidades e possibilidades de estratégias;
  • Inteligência artificial: campo da ciência que tanto desenvolve quanto emprega máquinas para que elas executem, de forma autônoma, atividades humanas;
  • Computação na nuvem: fornecimento de recursos de TI sob demanda, como acontece quando uma empresa utiliza tecnologia hospedada em um banco de dados remoto.
  • Soluções mobile: prática em que se cria e se implanta aplicativos em dispositivos móveis com o intuito de facilitar a interação de empresas com os seus clientes, parceiros e funcionários.

Em resumo, o principal objetivo de uma healthtech é criar tecnologias para o setor médico. Sua finalidade também envolve a criação de soluções tecnológicas capazes de agilizar o atendimento dos pacientes, bem como lhes proporcionar conforto e segurança.

O que significa a palavra healthtech?

A palavra healtech é formada por dois termos: “health”, que quer dizer saúde, e “tech”, que significa tecnologia. Isso, por sua vez, só respalda as explicações dadas anteriormente.

As healthtechs atuam em diferentes segmentos da medicina, como a medicina preventiva, que adota ações que previnem doenças, e a preditiva, que se utiliza de medidas que detectam predisposições genéticas para certas doenças.

Qual a importância das healthtechs?

Só por serem empresas que criam soluções tecnológicas para a área da saúde, é de se imaginar a grande importância que as healthtechs têm. Elas geram vantagens não apenas para indústrias, clínicas e hospitais, mas também para profissionais de saúde e pacientes.

Na prática, a importância das healthtechs revela-se das seguintes maneiras:

  • Os pacientes não precisam esperar tanto tempo para que sejam atendidos;
  • Os tratamentos promovem métodos menos invasivos e mais seguros;
  • Os pacientes podem se prevenir contra doenças ao utilizarem aplicativos de celular capazes de monitorar hábitos de vida saudáveis;
  • Precisão na detecção de doenças, uma vez que os hospitais, por exemplo, utilizam-se de tecnologias avançadas.

Esses são apenas alguns dos benefícios que fundamentam a importância das healthtechs. Com as soluções que elas criam, também é possível promover informações confiáveis de forma online, comprar remédios em e-commerce, proporcionar assistência aos pacientes mesmo à distância e fazer exames de forma ágil e precisa.

Healthtech: o que ela pode oferecer para a saúde?

Independentemente do tipo de negócio para o qual uma healthtech desenvolve soluções tecnológicas, ela, de modo geral, sempre beneficiará a área da saúde. A seguir, estão elencadas algumas das soluções criadas por healthtechs e suas vantagens.

Informações integradas

Uma das principais vantagens que as healthtechs oferecem para a área da saúde é a integração de informações. Isso ocorre porque algumas das soluções que elas desenvolvem, como plataformas e aplicativos, reúnem informações de atendimento, transmissão de diagnóstico e acompanhamento.

Tudo é feito à distância, o que acaba com as barreiras geográficas, e com um custo baixo, quando comparado ao valor de realizar os mesmos procedimentos em um sistema presencial ao invés de remoto. Além disso, também existe segurança em todo o processo de integração de informações.

Big Data e inteligência artificial

Dois homens apertando as mãos atrás de uma lousa transparente com símbolos médicos

A IA, inteligência artificial, tem uma grande contribuição no diagnóstico de pacientes. Como citado anteriormente, ela se apresenta na área da saúde por meio de equipamentos que automatizam diversos processos, desde o atendimento ao paciente até o diagnóstico e o tratamento.

Alguns exemplos simples de inteligência artificial na saúde são os braços mecânicos que auxiliam os processos cirúrgicos e as máquinas de ressonância magnética modernas.

Junto à IA, tem-se o Big Data, um processo por meio do qual se extrai informações importantes a partir de um volume de dados referentes a procedimentos médicos, pacientes e colaboradores.

Medicina diagnóstica e farmacêutica

No que se trata de medicina diagnóstica, as healthtechs criam soluções que realizam tanto o exame de diagnóstico de patologias quanto a medição de resultados clínicos.

Elas também produzem tecnologias voltadas para as pesquisas farmacêuticas, que ajudam na descoberta de novos medicamentos, por exemplo. Também desenvolvem soluções como o e-commerce, o comércio eletrônico, que facilita o acesso de pacientes e de instituições a produtos farmacêuticos.

Gestão ágil

As healthtechs criam soluções voltadas para aprimorar a gestão de hospitais e clínicas, tornando-a mais rápida e eficiente. Alguns exemplos dessas soluções são softwares e aplicações, que aprimoram a gestão de planos de saúde, liberação de exames e administração e regulação de leitos.

De modo geral, tais soluções com foco na gestão melhoram o atendimento médico. E isso é fundamental tanto para os gestores quanto para os próprios pacientes, que não precisarão lidar com a demora na liberação de exames, por exemplo.

É importante ressaltar que essas soluções obedecem às regras governamentais e passam por uma avaliação tecnológica de saúde.

Telemedicina

Além da prestação de serviços de saúde que acontecem presencialmente em um hospital, também existe a possibilidade desses serviços serem prestados por meio de recursos tecnológicos e telecomunicação. Ou seja, por meio da telemedicina.

Dito isso, outra solução que as healthtechs oferecem para a área de saúde diz respeito à telemedicina. Por exemplo, elas criam plataformas por meio das quais é possível realizar o atendimento e o tratamento de forma totalmente remota. 

Dispositivos inteligentes e IoT

Os dispositivos inteligentes e a loT são outras ofertas oferecidas pelas healthtechs. A loT, também conhecida como Internet das Coisas, é um termo que descreve o conjunto de objetos conectados à internet capazes de reunir e transmitir dados.

Na saúde, esses objetos, isto é, esses dispositivos inteligentes, automatizam processos, tornando-os mais seguros e eficazes. Para exemplificá-los, confira alguns exemplos:

  • Sensores de monitoramento remoto de temperatura;
  • Respiradores conectados;
  • Sensores ingeríveis;
  • Biossensores usáveis;
  • Entre outros.

Comunicação com pacientes

Por fim, as healthtechs criam soluções focadas na comunicação dos pacientes. Com essas soluções, os médicos conseguem conversar em tempo real com eles de forma remota. Como exemplo, existem as teleconsultas, teleassistências e videoconferências.

Healthtechs no mercado brasileiro

De todos os países localizados na América Latina, o Brasil é considerado o maior mercado de saúde, tornando-o, dessa forma, o lugar perfeito para o crescimento das healthtechs. E é exatamente isso que acontece: segundo uma notícia publicada no jornal O Globo, só entre os anos de 2019 e 2022, o número de healthtechs brasileiras cresceu 16,11%.

Além disso, existem por volta de 747 healthtechs registradas no Brasil, que oferecem diversas soluções, como gestão de prontuário, controle de doenças crônicas e agendamento de serviços. Conforme a mesma notícia, a maior parte delas, 41,28%, está localizada no estado de São Paulo.

Outro fator que revela o crescimento das healthtechs no mercado brasileiro são os investimentos. Elas receberam, desde 2014, investimentos de US$ 430 milhões. E apenas no ano de 2020, os investimentos foram acima de US$ 325 milhões.

Dicas para ser uma healthtech de sucesso

Um homem apresentando para um grupo de pessoas

Para que tenha sucesso no mercado, boa reputação e ótimo desempenho financeiro, uma healthtech deve tomar certas decisões. A seguir, confira algumas.

Adapte-se às demandas do mercado

Como esclarecido, o setor de healthtechs está em ascensão no Brasil, o que significa que as demandas de soluções tecnológicas continuarão crescendo. Portanto, é crucial adaptar-se às demandas do mercado.

Adaptar-se às demandas significa, em essência, desenvolver uma gestão de demandas. Algumas boas práticas para fazer isso é conhecendo as necessidades dos clientes, o que pode ser feito por meio de pesquisas, e montar um fluxo de gestão de demandas para conseguir organizar pedidos e estabelecer prioridades.

Também pode-se fazer análises históricas, ou seja, conferir o histórico de demandas da empresa para identificar quais foram os períodos em que houve maior e menor número de demandas. A partir disso, torna-se possível fazer previsões mais assertivas e atender os clientes com eficiência.

Por último, outras boas práticas são capacitar a equipe de colaboradores por meio de treinamentos corporativos, uma vez que, quanto mais preparada ela estiver, maior será a excelência no cumprimento de demandas, e promover uma comunicação corporativa de qualidade entre todos os setores da empresa. Isso é indispensável para que todos os colaboradores entendam as suas responsabilidades e, assim, a empresa cumpra com as demandas.

Utilize soluções para reduzir custos

O sucesso de uma healthtech também relaciona-se com a redução de custos, afinal de contas, os desperdícios financeiros prejudicam a lucratividade de qualquer negócio.

Existem diversas formas de se reduzir custos, como listar todos os custos e confira quais deles podem ser reduzidos, bem como revisar os investimentos, já que alguns deles até podem ter sido cruciais no começo da healthtech, porém, com o tempo, talvez já não sejam mais.

Além dessas possibilidades, também pode-se cortar os custos não estratégicos, ou seja, aqueles que não geram vantagem competitiva. Um exemplo disso é contratar um profissional para avaliar o gasto de energia da empresa e, a partir disso, especificar quais mudanças ela deve adotar para reduzir excessivos gastos de energia elétrica.

Tenha um modelo de negócio escalável

De forma simplificada, um negócio escalável é aquele que cresce de forma acelerada sem a necessidade de aumentar os custos na mesma proporção. Para que isso seja possível, no entanto, é necessário adotar um modelo de negócio escalável.

Algumas ações que a healthtech deve tomar para desenvolver um modelo de negócio escalável são:

  • Fazer a pesquisa de mercado: a partir disso, é possível identificar as dores dos consumidores que as empresas concorrentes estão falhando em atender, conhecer o tamanho do mercado e criar soluções inovadoras;
  • Estruturar uma estratégia de marketing: algumas opções são e-mail marketing, mídia paga e automação de marketing.

Automatize processos

Quando uma empresa automatiza processos, ela reduz custos, otimiza o tempo, aumenta a produtividade e se torna mais competitiva no mercado. Tudo isso a favorece, transformando-a em um negócio escalável.

Uma das maneiras para se fazer isso é por meio do PontoTel, uma plataforma de gestão de controle de ponto. Afinal, é preciso gerenciar a jornada de trabalho dos colaboradores para evitar complicações que prejudicam o faturamento da empresa, como processos trabalhistas.

Para conhecer o PontoTel e obter uma demonstração gratuita, preencha o formulário abaixo.

Conclusão

Durante a leitura do conteúdo, esclareceu-se sobre o que é uma healthtech — uma empresa que desenvolve soluções tecnológicas para a área da saúde —, bem como o significado do termo healthtech: health (saúde) e tech (tecnologia).

Após isso, tratou-se sobre a importância das healthtechs, uma vez que elas oferecem benefícios como gestão empresarial ágil e informações integradas. Também foi abordado a respeito do crescimento dessas empresas no mercado brasileiro.

Por fim, elencou-se algumas dicas para que uma healthtech tenha sucesso, como desenvolver um modelo de negócio escalável, automatizar processos e adaptar-se às demandas do mercado.

Gostou do conteúdo? Para conferir mais artigos interessantes sobre gestão empresarial e gestão de pessoas, visite o blog PontoTel.

banner como funciona o software de ponto mais completo
Compartilhe em suas redes!
Mais em Controle de ponto VER TUDO
INICIAR TOUR!