Metodologia OKR: o que é, como aplicar e como ela auxilia sua empresa!

Uma gestão estratégica pode colocar o seu negócio em franca competitividade com outras empresas, independentemente do porte delas. Para isso, é importante ficar de olho em algumas das técnicas e dos conceitos mais aplicados e repercutidos positivamente no mercado — como a metodologia OKR.

Esse sistema de gestão é baseado em metas e resultados, com ele as empresas adquirem mais agilidade no planejamento e na execução de processos, além de precisão e assertividade nas estratégias por meio do monitoramento de dados.

Para que fique claro o que é a metodologia OKR e como você pode aplicá-la no dia a dia da sua empresa, preparamos este post que vai tratar dos seguintes assuntos:

Vamos ver, então, a importância da metodologia OKR? Acompanhe-nos ao longo desta leitura!

planilhas ferias

O que é metodologia OKR?

Resumidamente, a metodologia OKR tem a ver com um sistema de definição de metas e que, a partir delas, cria-se um elaborado passo a passo sobre o que vai ser feito e como, para alcançá-las. Além disso, é importante considerar um eficaz método de monitoramento para avaliar, constantemente, o desempenho das estratégias desenhadas.

Grandes empresas, hoje em dia, como o Google, já implementaram a estratégia quando eram ainda iniciantes. E, em parte, isso se deve à importância de integrar as metas e alinhá-las com os seus colaboradores, sempre ditando e acompanhando o ritmo da produção.

Com isso, a metodologia OKR se diferencia um pouco de outros métodos, já que o enfoque principal está na cadência rápida e nos resultados. Isso tudo une a equipe e favorece a comunicação interna, mas carrega também outros benefícios, como veremos adiante.

Qual o objetivo final da metodologia OKR?

imagem de duas mãos femininas separas por uma mesa cheia de post-its amarelos, laranjas e rosas. Uma das mãos leva um post its rosa em direção a mesa

Um dos grandes trunfos da metodologia OKR consiste na elaboração de metas que sejam curtas, inspiradoras e que gerem engajamento. Com isso, é possível estabelecer desafios que encorajem os seus funcionários a seguirem com o projeto de maneira gradualmente empolgante.

Não à toa, muitas pessoas acreditam que, ao entender o que é metodologia OKR, todo o processo está relacionado à comunicação — embora você possa usar o método para alcançar todo tipo de meta.

Quais as diferenças entre OKR e KPI?

KPIs (do inglês Key Performance Indicators) são indicadores popularmente conhecidos também como resultados-chave. Eles, no entanto, diferem um bocado do OKR. Vamos ver um pouco da diferenciação entre ambos com base nas suas possibilidades de aplicação, logo abaixo!

OKR (Objetivos)

Imagine que os seus objetivos são baseados na melhoria de índices em geral. Confira alguns exemplos:

  • Visa melhorar a satisfação dos clientes;
  • Tem o objetivo de melhorar os índices em geral trabalhados pelo setor de marketing;
  • Define e ajuda com a manutenção e o reforço dos pilares institucionais da empresa.

KPIs (Resultados-chave)

Nos KPIs, você identifica quais métricas têm a ver com os objetivos traçados para, em seguida, monitorá-las. Reunimos também alguns exemplos comuns de resultados-chave para ilustrar melhor essa ideia:

  • Obter um determinado número de respostas na pesquisa de satisfação da empresa;
  • Aumentar em um número específico o número de visitas em sua loja virtual;
  • Converter visitantes de suas páginas digitais em clientes;
  • Organizar encontros periódicos (semanalmente, por exemplo) para discutir um projeto específico a respeito dos valores institucionais da empresa.

Ou seja: essa diferença se pauta no desenho de objetivos e depois na realização dos resultados (que são os KPIs a serem monitorados conforme as metas estipuladas).

Importância da metodologia OKR para gestão da empresa

Ainda veremos mais a respeito da gestão de metas e como implementar a metodologia OKR, mas vale entender inicialmente o seu valor para a gestão estratégica da sua empresa.

E a resposta mais objetiva a respeito disso é que esse método favorece a comunicação de toda a sua organização. Afinal, a definição e a busca pelas metas têm a ver com integração de todos os setores — independentemente da hierarquia de cargos — e com o alinhamento das ações com base na própria identidade do seu negócio.

Como resultado, é possível fortalecer toda a linha de trabalho de maneira intangível (como motivacional) e prática no dia a dia, melhorando a produtividade ou mesmo a redução de estresse e insatisfação dos colaboradores.

Importante reforçar, também, que essa é uma estratégia de baixo custo. Falaremos mais a respeito da implementação, adiante, mas é interessante considerar o quanto isso pode beneficiar a sua empresa a partir de um planejamento focado nos seus próprios valores e na integração das áreas em torno de objetivos em comum.

Como é a estrutura da metodologia OKR?

Como apontamos anteriormente, a metodologia OKR está associada à definição de metas e, posteriormente, ao monitoramento dos KPIs ideais para o tipo de objetivo selecionado.

Portanto, uma estrutura básica para isso consiste em duas frases:

  • Eu vou — realizar os objetivos (OKR);
  • Medindo-os por — indicadores (KPIs).

Tem tudo a ver com saber quais são as metas e quais são os indicadores fundamentais para o acompanhamento de resultados. Embora tenhamos definido o que significa cada um deles, dentro da diferenciação de OKR e KPI, vale reforçar.

Objetivos

São as descrições do que pretende-se conquistar. Como também já falamos, essas metas tendem a ser de curto prazo, além de inspiradoras e envolventes. 

Um exemplo, aqui, pode ser descrito como a meta de obter um melhor engajamento dos funcionários nas ações de vendas.

Resultados-chave

E aqui entram os resultados-chave — ou KPIs —, que se traduzem no conjunto de métricas que vão mensurar o desempenho e o progresso da meta estipulada. Ou seja: tudo aquilo que ajude a compreender se, de fato, os funcionários estão mais engajados nas campanhas de vendas.

Para tanto, vale a pena ficar de olho em algumas etapas muito bem definidas para colocar a metodologia OKR em prática, como:

  • Definição de metas claras, específicas e, acima de tudo, alcançáveis (do contrário, o elemento motivacional se perde no caminho);
  • Fragmentação dos objetivos para que todos possam se envolver, direta e indiretamente, tanto no planejamento quanto na execução;
  • Composição de um calendário definido para cada meta, tendo em vista que a metodologia OKR rende melhor em curto prazo. Em geral, a liderança focada nesse método compõe objetivos de até 3 meses para serem concluídos;
  • Acompanhamento constante e completo para a mensuração do desempenho das ações;
  • Apresentação dos OKRs para que todos vejam e acompanhem o passo a passo das metas e também do desenrolar de cada uma delas.

Para quem está à frente da metodologia OKR, aí vai uma dica: lembre-se que a metodologia OKR é pautada em resultados, e não em esforços. Os KPIs estão aí para isso — mensurar — e isso pode independer dos esforços dedicados, se a mais ou a menos. 

Importante até observar, nessas situações se os esforços empreendidos estão sendo exagerados, mas os resultados, aquém ao esperado. Isso pode significar que tem algo errado, e só os resultados-chave é que podem apresentar esse tipo de certeza para o monitoramento de desempenho.

Exemplos de OKRs

imagem de dois homens da cintura para baixo. Ambos levam em suas mãos documentos

Até aqui, já mostramos alguns exemplos de OKR e, provavelmente, você já deve ter alguns em mente conforme as necessidades e as características do seu negócio, certo?

Mesmo assim, é importante que você conheça outros exemplos de OKR e também de indicadores (KPIs). Quem sabe, eles podem ajudar você a encontrar novas metas de curto prazo para implementar no dia a dia da sua empresa!

Exemplos de objetivos

  • Aumentar as vendas;
  • Reduzir o nível de insatisfação dos colaboradores (ou dos clientes);
  • Gerar um serviço de atendimento ao consumidor diferenciado;
  • Expandir a presença e autoridade online da sua marca.

Exemplos de resultados-chave

  • Criar uma apresentação mais detalhada de suas soluções, e alinhadas ao perfil do seu público-alvo;
  • Trabalhar de maneira personalizada a distribuição de benefícios corporativos aos funcionários;
  • Investir em uma solução digital para otimizar etapas do atendimento;
  • Investir em marketing digital e trabalhar com a sua audiência nos canais digitais onde ela está mais concentrada..

Ou seja: os KPIs acima citados têm a ver com os objetivos (OKR) que listamos anteriormente. Um está atrelado ao outro e vai ajudar na realização, passo a passo, das metas que a sua empresa definir e comunicar a toda a empresa para que a integração ocorra naturalmente.

Diferença entre objetivo e resultado-chave

Caso a definição de OKR e KPI ainda não esteja clara, aí vai um reforço:

  • OKR — ou objetivo — é a apresentação da sua meta por meio de um claro direcionamento.
  • KPI (ou resultado-chave) é o conjunto de métricas que vão mensurar o desempenho do plano de ação tomado para o alcance da meta em questão.

Que tal entendermos isso na prática, então, aprendendo como a implementação da metodologia OKR pode funcionar dentro da sua empresa?

Como implementar a metodologia OKR na empresa?

Abaixo, reunimos algumas condições essenciais para que todos na empresa saibam o que é a metodologia OKR e como ela pode ser colocada em ação na rotina do seu negócio!

Comunique seu time 

O primeiro passo consiste em, justamente, integrar os setores por meio de uma comunicação eficiente. 

O que isso significa? Que é importante se reunir (coletivamente ou para que cada líder explique para os seus funcionários) para a apresentação desse método e o quanto ele pode impactar positivamente o cotidiano.

Para tanto, lembre-se que a comunicação não é mera formalidade: a integração e a comunicação transparente e coletiva vão fazer parte do seu dia a dia — da rotina de todos, na verdade.

Assim, é um primeiro e fundamental passo garantir que todos estejam cientes da proposta, do que será conquistado com ela e quais são os benefícios dessa mudança de pensamento.

Defina metas em conjunto 

Nos exemplos de OKR que vimos ao longo do artigo, deve ter ficado claro que todos buscam aproximar-se de um processo de trabalho no qual o individualismo tem pouco espaço.

Ou seja: as pessoas trabalham mais coletivamente, e isso já pode ser visto no passo anterior que vimos. Com uma comunicação aberta e que integre a todos, o passo seguinte consiste em trabalhar em prol da definição de metas que façam sentido para toda a empresa e que unifique-a em cada etapa do processo.

Para tanto, tenha em mente a importância de considerar duas coisas, principalmente:

  • Objetivos claros e específicos;
  • Resultados-chave igualmente fáceis de serem coletados, monitorados e acompanhados.

Como resultado disso, todos os colaboradores vão estar em alinhamento com as metas e também com a condução do projeto. E, assim, a metodologia OKR pode se tornar um ativo cada vez mais valioso no desenvolvimento da sua empresa.

banner descubra a taxa de absenteismo

Faça reuniões mensais para acompanhamento

Lembra-se que destacamos a importância em compor objetivos de curto prazo com a metodologia OKR? Pois então, vale a pena dividir esse projeto em reuniões-chave ao longo do seu desenvolvimento.

Essas reuniões devem ter como objetivos principais o alinhamento dos processos, a manutenção das estratégias e também os eventuais ajustes que vão se fazer necessários para alcançar os resultados projetados na etapa de planejamento.

Garanta que todos os times e colaboradores terão seus OKRs

Além das metas em comum, certifique-se de que todos vão ter participação ativa na realização desses objetivos. Isso ajuda a manter a motivação elevada para todos, bem como os resultados propostos vão contribuir para manter o engajamento também em alta.

Sem falar que um ciclo de diversas metas em curto prazo favorece o trabalho sempre competitivo e cujo foco é, de fato, o resultado — a conclusão dos objetivos estabelecidos.

Principais vantagens da metodologia OKR para as empresas ​

imagem de uma mulher e um homem, lado a lado. Ambos olham para o um papel .

Durante a leitura deste artigo você deve ter compreendido que a metodologia OKR é de grande importância para a comunicação e o planejamento estratégico.

Afinal de contas, é um processo cíclico e em constante desenvolvimento, que contribui para uma mentalidade focada em resultados.

No entanto, é possível perceber uma série de outros benefícios ao aplicar a metodologia OKR na sua empresa. Veja quais são, logo abaixo!

  • Mais agilidade por meio de ciclos curtos, para as metas, e que vão contribuir com ajustes rápidos e uma adaptação mais flexível a todo tipo de mudança;
  • Mais engajamento dos funcionários é perceptível, também, uma vez que a metodologia OKR trabalha com o motivacional das equipes. Assim, o nível de satisfação dos funcionários pode elevar de maneira gradual e constante — e os resultados aparecem, igualmente;
  • Acessibilidade de implementação, já que o OKR estimula as metas práticas e imediatas. Isso torna o pensamento e a execução mais ágeis, igualmente, e sem desperdício de recursos;
  • Transparência, algo que valoriza a reputação da empresa e coloca a gestão e os funcionários em alinhamento por meio dessa integração e unificação de objetivos e iniciativas;
  • Mais autonomia para os funcionários, permitindo que os profissionais trabalhem qualidades diversas e possam ser lapidados, lentamente, como capitais humanos ainda mais valiosos para a sua organização.

Como a metodologia OKR auxilia no crescimento da empresa?

A ideia geral da metodologia OKR é melhorar a comunicação, integrar equipes e trabalhar coletivamente em prol de objetivos que possam ser alinhados de maneira coletiva.

Com isso, a ideia de ter metas de curto prazo para serem desenvolvidas de maneira constante faz com que a sua organização construa e torne natural uma mentalidade que busca resultados, sempre.

Isso só mostra uma vontade contínua de crescimento e a estratégia constantemente trabalhada para buscar os resultados. Ou seja: por mais que uma ou mais metas não sejam devidamente alcançadas, conforme o planejado, a mentalidade por si só já é uma grande vitória.

Então, vale a pena considerar a metodologia OKR como parte da estrutura da empresa. Para um objetivo, apenas, pode não ser suficientemente relevante, mas perceba o quanto isso tem a agregar se tornar-se algo contínuo na estrutura e nos processos da sua organização.

Conclusão

Neste artigo, vimos o que é a metodologia OKR e como ela pode atuar no desenvolvimento da sua empresa. Afinal de contas, trata-se de uma mudança de identidade e de pensamento, espalhando-se de maneira unificada e integrada para que todos os departamentos e as equipes tenham objetivos em comum — e por meio de um trabalho mais e mais colaborativo.

Além de mostrarmos o processo de implementação, reforçamos a importância do pensamento na busca por resultados, e não só do esforço. Empresas podem aplicar a metodologia OKR para servir como uma nova fronteira, sem dúvidas.

E se você quiser saber de mais estratégias e planejamentos que têm tudo para agregar à identidade e aos processos da sua organização, aproveite para assinar a nossa newsletter — basta preencher os seus dados, na lateral do nosso blog — e você vai receber todas as nossas novidades diretamente no seu endereço de e-mail!

Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima