Liderança autocrática: como é, principais características e pontos positivos e negativos

imagem de uma mulher segurando e olhando para dois papeis

Somos TOP of Mind de RH!

Estamos entre os finalistas do prêmio Top Of Mind de RH 2021, na categoria Controle de Frequência. Agora, precisamos da sua ajuda para ir ainda mais longe e levar o prêmio. Clique aqui e vote PontoTel!

A liderança é a prática mais importante de se ter, quando se trata de influenciar equipes, por conta disso foram surgindo diversos tipos de lideranças e uma delas é a autocrática.

A liderança autocrática, é um dos modelos, em que o líder em questão é o único responsável em gerir quais são as melhores ideias para serem realizadas, criando um direcionamento a partir da própria visão e experiência.

Desta maneira, os liderados possuem um baixo poder de decisão, e o líder fica responsável por tomar as melhores decisões, mas como todos os tipos de liderança, existem seus prós e contras a serem considerados.

Veja abaixo todos os detalhes que iremos abordar sobre liderança autocrática, você saberá:

Boa leitura!

controle de jornada digital e gestao de pessoas

O que é liderança autocrática?

A liderança autocrática também pode ser chamada de liderança autoritária, na qual o poder de decisão acaba por ser mais fácil e rápido, pois está justamente em função de apenas uma pessoa, que é o líder.

Por mais que a equipe possa fazer sugestões e opinar quando consultadas, a decisão final é sempre a do líder, independente de aceitar os feedbacks ou não.

A equipe nunca toma a decisão final, apenas realiza as ações que forem destinadas pelo líder, o que, na verdade, acaba por ser considerado chefe por não causar influência e sim dar ordens.

Qual o objetivo da liderança autocrática?

imagem de uma mulher analisando gráficos na tela do computador

Ter uma conclusão mais rápida e direta em soluções, decorrente das atividades, sem a necessidade de promover votações, recolher opiniões ou marcar reuniões de equipe para definir o que será feito. Dessa forma, acaba-se por criar um ambiente mais controlado sem tanta interferência externa.

Em qual tipo de gestão funciona essa liderança? 


A gestão de um CEO, que na maioria das vezes é um diretor executivo, é uma das que mais aderem a liderança autocrática, por estar no principal cargo de uma empresa, é fundamental que decida quais caminhos a equipe e a empresa irá seguir.
Em muitos casos, o CEO acaba por ter pouca agenda para lidar com a equipe, com diretrizes que precisam ser cumpridas, com compromissos que necessitam sua presença e também, as novas parcerias que precisa realizar.

Por conta disso, acaba por ser menos participativo com as equipes, e por precisar  obter soluções para os problemas de maneira mais rápida, acaba por decidir sozinho, sem opiniões das equipes. O mesmo pode acontecer com gerentes, presidentes, supervisores e coordenadores.

Como funciona a liderança autocrática nas empresas?

Um colaborador de cargo superior, fica responsável por manter a organização da empresa e sempre verificar quais são os setores que precisam de melhorias, além de manter o bem estar da empresa.

O líder autocrático, precisa definir os horários seja de entrada, saída e intervalos, o quanto de verba será investida na empresa, e precisa sempre dar uma resposta final.

Em sua maioria, um líder autocrático tem experiência técnica e aptidões, que os demais da empresa não possuem, por isso é confiada a todas as decisões em uma pessoa só.

Quais as principais características de uma liderança autocrática?

imagem de pessoas reunidas com um homem em pé ao centro da mesa com uma expressão de raiva

Sem dúvidas, existem diversas características de uma liderança autocrática, que podemos pensar só de associá-la ao autoritarismo, mas esse tipo de liderança não está ligada apenas ao poder de um só, existem diversas outras.

Obediência e hierarquia

Quando uma ordem é delegada aos colaboradores, eles precisam a cumprir sem realizar questionamentos ou opção de criar mudanças em cima do que foi pedido, tem que ser exatamente conforme ordenado.

Constante supervisão

O líder está sempre checando se as atividades estão sendo feitas como solicitado, para que o ambiente se mantenha controlado e que nenhuma ação saia do que já havia sido programada pelo mesmo.

Comunicação reduzida

Dificilmente os colaboradores possuem um contato direto com o líder, muitas vezes um setor fica responsável para repassar as informações a ele. As ordens e tarefas também são repassadas, não sendo entregue pessoalmente por ele.

Informações centralizadas

Por não ter muito contato com a equipe, e na maioria das vezes estar tomando decisões por conta própria, passando ordem aos colaboradores, acaba que a maioria das coisas no que diz respeito à empresa fica centralizado no líder autocrático.

Essas são as principais características da liderança autocrática, mas existem outros modelos de liderança que se diferem totalmente.

Quais os principais tipos de liderança?

Normalmente a liderança possui um objetivo de criar influência, mas não existe apenas um modelo para que isso aconteça. Conheça os outros tipos de liderança:

Liderança democrática

A liderança democrática envolve os colaboradores na maioria dos planos. As decisões e ações são definidas em conjunto com com a equipe, através de coletas de feedbacks, reuniões de equipe e acompanhamentos mútuos, criando uma participação conjunta nas escolhas e decisões.

Liderança liberal

Já na liderança liberal, a equipe deve se reunir para tomar as decisões sozinhos. Por isso,precisam saber qual a melhor maneira de executá-la e por si mesma devem acompanhar as ações realizadas.

Liderança Situacional

A liderança situacional atua de acordo com cada situação, como já diz o nome, com o nível de conhecimento e experiência de cada colaborador, para que o mais apropriado naquele momento tome as rédeas daquelas decisões, sendo assim gestor precisa ser adepto às mudanças.

Liderança Coach

A liderança chamada “coach”, foca no desenvolvimento da equipe, para que cada colaborador tenha um conhecimento e desenvolvimento individual, para que juntos transformem a empresa, e assim trabalhem em busca dos resultados e do aumento de produtividade para o crescimento da empresa.

Cada tipo de liderança possui uma técnica, um cenário e, principalmente, um modo diferente de lidar com as pessoas quanto à equipe.

Qual a diferença entre elas? 

Diferente da liderança autocrática, os outros tipos de liderança, envolve muito mais os colaboradores nas tomadas de decisões e resoluções de problemas, e procuram fazer com que se sintam parte da empresa. Para assim, ter um crescimento contínuo em que ambos saem ganhando.

Como é o perfil do líder autocrático?

imagem de um homem vestindo social em uma posição de dominador

Um líder tem o papel de desenvolver a equipe, se importar com suas sugestões e está sempre disposto a incentivá-los, já o chefe tem como costume dar ordens e tomar decisões sozinho.

O líder autocrático, tem o perfil de chefe, pois tem comportamento bastante parecido, a maioria das vezes não está disposto a receber opiniões, e não tem muito o perfil de incentivar e desenvolver sua equipe.

Além disso, por ocupar um alto nível hierárquico e por ter poder de decisão absoluto, os colaboradores acabam ficando de lado, e como não convive com a equipe, se resume apenas a dar ordens.

Quais os pontos positivos e negativos da gestão autocrática?

Pode parecer estranho, mas apesar de todos os pontos abordados no artigo, existem vantagens na liderança autocrática, vamos fazer uma comparação em relação às desvantagens.

Pontos positivos

Um dos pontos positivos da liderança autocrática, é que as decisões são tomadas mais rapidamente sem muito tempo de espera e debates, já que apenas uma pessoa está com essa função, por conta disso acaba por não ter tanta burocracia na execução de tarefas.

Como os colaboradores não ficam envolvidos diretamente nas posições da empresa, também acabam por não serem afetados pelos conflitos ou crises que podem acontecer, pois cabe ao líder autocrático resolvê-las.

A equipe acaba por ter mais clareza em relação às expectativas da empresa, quando recebem as atividades e metas que precisam ser cumpridas.

Também facilita o entendimento de novos colaboradores para realizar as tarefas e entender qual é o seu papel dentro da empresa.


Pontos negativos


Por não compartilhar opiniões e conhecimentos, a equipe passa a se sentir desvalorizada e começa a se ressentir quanto às atividades da empresa, o que pode gerar conflitos internos na equipe e também aumento da rotatividade de funcionários

A equipe acaba não conseguindo se desenvolver sozinha, por não ter autonomia, e a depender sempre da aprovação do líder, acabando por  não dar a chance de  crescer profissionalmente.

A empresa perde por não ter mudanças, como é sempre apenas uma visão e uma decisão, acaba se mantendo sempre no mesmo lugar e restringe a criatividade dos colaboradores.

Por se sentir desmotivada, a equipe acaba por não entregar os resultados que a empresa exige, e os dois lados acabam perdendo com a falta de desenvolvimento.

Conclusão

Vamos relembrar sobre a liderança autocrática e a sua influência nas empresas e na atuação dos colaboradores.

Vimos que as decisões são sempre tomadas por uma única pessoa, que é o líder autocrático, que a equipe não costuma ser ouvida, incluída e em motivada é ordenada para apenas cumprir ordens.

Que, por agir desta maneira, possui um perfil de chefe, o qual mais aborda apontamentos do que gera incentivos para a sua equipe. Em muitos casos, pode ocorrer abuso de poder e superioridade pelo nível hierárquico.

As empresas o aplicam, muitas vezes, na função de diretor executivo (CEO), coordenadores, supervisores, gerentes, presidentes, posições em que se é necessário cumprir as responsabilidades de forma ágil.

O líder autocrático precisa atuar na empresa definindo os horários dos funcionários, definindo investimentos, cortes, cuidando de novas parcerias e tomando novas decisões para a empresa.

Sempre realiza supervisões das tarefas para verificar o cumprimento das ordens, costuma fazer apontamentos negativos e críticas de melhorias,as quais não incentivam  o colaborador a melhorar.

Além disso, existem pontos positivos em relação a liderança autocrática pois economiza o tempo de reuniões para encaminhamentos, evita burocracias para realizar ações, a equipe não fica exposta às crises da empresa e possuem mais clareza sobre as tarefas que precisam ser feitas.

Visite o Blog da PontoTel e encontre mais conteúdos para a sua empresa.

Compartilhe em suas redes!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Rolar para cima