Conheça as principais medidas de segurança no app de ponto da PontoTel e veja como elas podem auxiliar seu RH!

imagem com foco em uma pessoa segurando o app de bater ponto da PontoTel

Ao pesquisar por maneiras de melhorar a gestão de ponto em sua empresa, com certeza você já deve ter se deparado com os aplicativos de ponto, que na verdade são sistemas inovadores de controle de jornada que permitem múltiplas formas de marcação de ponto e uma melhora da gestão, por meio de um software em nuvem

Nesse momento, surge a dúvida: “será que esse modelo é seguro mesmo?”

A dúvida é bastante compreensível, afinal, na marcação por relógio de ponto, o funcionário precisa estar fisicamente na sede da empresa, e na maioria das vezes, para registrar seu horário precisa da sua impressão digital, o que torna o REP (Registro Eletrônico de Ponto) um meio bastante seguro. 

Mas o que você ainda não sabe, é que existem mais medidas de segurança no app de ponto do que em um REP. 

Por ser totalmente móvel, a solução precisa oferecer maneiras diferentes de tornar a marcação de ponto segura, medidas que vão além do que ser fixo em um local ou ter um leitor biométrico. 

E convenhamos, nesse momento que o mundo todo se depara com a necessidade de tecnologias móveis, a sua empresa precisa de uma solução capaz de acompanhar a jornada dos colaboradores independente de onde eles estiverem trabalhando.

Então, se a segurança no registro de ponto por aplicativo é uma de suas preocupações, continue sua leitura, aqui falaremos sobre:

Vamos começar?

controle de jornada digital e gestao de pessoas
Como funciona o controle de ponto por aplicativo?

Antes de começarmos a falar sobre as medidas de segurança no app de ponto, precisamos explicar como o controle de ponto por aplicativo funciona. 

O controle de ponto por celular surge por meio do sistema de ponto eletrônico alternativo, que como o próprio nome diz, é uma alternativa aos meios tradicionais de marcação de ponto, ou seja, o ponto marcado por relógio.

Esse sistema é composto por várias partes, que se constituem em: registro, tratamento e gestão. Contudo, apesar da divisão, todas elas fazem parte de um mesmo mesmo sistema. 

E o que torna a marcação de ponto por aplicativo possível, é o desenvolvimento de uma aplicação que pode ser baixada em dispositivos móveis. 

Para entender melhor, imagine um aplicativo de rede social, por trás do que você vê ao acessar o seu perfil, existe toda uma estrutura de software, e até chegar na parte em que você pode visualizar existem inúmeras linhas de programação. 

Com o aplicativo de ponto não é diferente, toda uma estrutura de sistema é criada para permitir que o usuário registre o seu ponto utilizando o aplicativo.

Contudo, na prática, para chegar na etapa do registro existe uma parte muito importante, a configuração do sistema de acordo com as regras da empresa. 

O RH precisa configurar jornadas de trabalho, para que cada colaborador possa efetuar o seu registro. Com essas definições feitas, no momento em que o funcionário efetua sua marcação de ponto, a informação entra no sistema e fica registrada em sua folha de ponto online, podendo ser conferida pela gestão a qualquer momento.

Outra dúvida bastante comum ao pensar em adotar um app de controle de ponto, é sobre a legalidade dele perante as leis trabalhistas, vamos entender mais. 

O que diz a legislação sobre o app de ponto?

Por se tratar de algo tão inovador, muitas pessoas acreditam que o ponto por celular ainda não tenha validade legal, mas é um equívoco, pois, desde 2011 com a criação da portaria 373, as empresas podem adotar sistemas alternativos de controle de jornada. 

Essa portaria, serve para complementar o artigo 74, parágrafo 2°, da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), que diz: 

“2º  Para os estabelecimentos com mais de 20 (vinte) trabalhadores será obrigatória a anotação da hora de entrada e de saída, em registro manual, mecânico ou eletrônico, conforme instruções expedidas pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, permitida a pré-assinalação do período de repouso.”

Essas instruções as quais as lei se refere são as portarias 1510 e 373, que foram criadas pelo antigo Ministério do Trabalho e Emprego. 

A portaria 1510 traz regras e especificações sobre o uso do relógio de ponto e o uso do Sistema de tratamento de ponto

Já a portaria 373 traz regras para o uso dos sistemas de ponto alternativo, dentre as principais estão: 

  • A empresa só pode adotar um sistema alternativo de controle da jornada, se sua utilização for autorizada Convenção ou Acordo Coletivo de Trabalho.
  • O sistema alternativo não pode: Impor restrições à marcação do ponto; Realizar a marcação automática do ponto; Exigir autorização prévia para marcação de sobrejornada; Alterar ou eliminar dados registrados pelo empregado.
  • Para fins de fiscalização o sistema deverá: Estar disponível no local de trabalho; Permitir a identificação de empregador e empregado; Possibilitar, através da central de dados, a extração eletrônica e impressa do registro fiel das marcações realizadas pelo empregado.

Essas são algumas das especificações trazidas pela portaria 373, que dizem respeito ao uso do ponto eletrônico por aplicativo. 

Agora vamos à pergunta principal deste texto.

O app de ponto é seguro?

Sim, como falamos no início do texto, o app de ponto apresenta mais medidas de segurança do que um relógio de ponto tradicional, isso porque, ele precisa garantir que a empresa tenha toda a segurança para permitir que seus colaboradores registrem o ponto por celular. 

E precisa inclusive, atender a todos os requisitos das portarias 373 e 1510, como vimos no tópico anterior.

Mas, quais são essas medidas de segurança? 

Cada aplicativo de ponto possui suas próprias medidas de segurança, mas,  para explicar quais são as principais, vamos falar sobre o aplicativo da PontoTel, um sistema robusto de controle de jornada, homologado pelo Ministério do Trabalho e auditado por instituições independentes.

Veja a seguir!

Quais as principais medidas de segurança do app de ponto da PontoTel?

O app de ponto da PontoTel conta com seis medidas de segurança, que tornam o registro de ponto dos seus colaboradores totalmente seguro e eficiente, a seguir vamos ver como elas funcionam:

Bina

A bina corresponde ao número de identificação do celular ou computador utilizado para bater ponto.

Por meio dessa identificação a empresa consegue saber qual o dispositivo usado para marcar o ponto, qual a versão do app instalado e quando foi a última vez que o dispositivo foi sincronizado com o sistema. 

Senha

A senha utilizada para marcação de ponto é pessoal e intransferível, ao digitar sua senha no app de ponto o sistema consegue identificar quem é o colaborador que irá efetuar o registro de ponto e assim, o sistema abre automaticamente todas as suas informações para registro. 

Detectação de voz

Além de uma senha, caso a empresa queira, pode habilitar também a detecção de voz para identificar o colaborador, nessa opção e toda vez que o funcionário for registrar o ponto, o sistema irá pedir para que ele diga o seu nome e assim o ponto será marcado. 

Reconhecimento facial

O reconhecimento facial é uma das principais medidas de segurança no app de ponto, aliado à senha, o reconhecimento facial é o que garante a identidade do colaborador no momento de seu registro. 

Além disso, o reconhecimento facial também pode ser considerado como uma biometria, já que baseando-se em pontos do rosto o sistema consegue identificar o colaborador que está registrando o seu horário. 

Geolocalização

Por fim, a geolocalização permite que a empresa saiba o local exato em que o ponto foi marcado, assim, consegue identificar se o registro aconteceu fora dos locais permitidos. 

banner pontotel acompanhamento em tempo real

Como as medidas de segurança do app de ponto auxiliam na redução de fraudes?

Depois de conhecermos todas as medidas de segurança no app de ponto, você deve estar se perguntando, “e como elas impedem fraudes na prática?”

Além de todas as medidas de segurança no app de ponto, sua empresa precisa garantir que o sistema seja inteligente. 

No PontoTel por exemplo, o RH pode inserir locais de trabalho para cada colaborador, e assim, toda vez que um colaborador for realizar a marcação de ponto fora do seu local de trabalho, o sistema irá emitir um aviso ao funcionário com a mensagem: “Você está longe do local de trabalho, deseja prosseguir com a marcação?”. 

Caso o funcionário continue a marcação de ponto, o sistema envia ao gestor uma notificação avisando de que existe um ponto com inconsistência.

Mas não seria mais fácil parar a marcação?

Conforme previsão da portaria 373, o sistema de ponto nunca deve impedir o funcionário de realizar a marcação, por isso, o colaborador vai conseguir marcar o ponto, mas o seu gestor será avisado da inconsistência e poderá verificar o ocorrido. 

O mesmo acontece quando o sistema não consegue reconhecer o funcionário na imagem de registro de ponto. Por meio do reconhecimento facial o sistema aprende o rosto do colaborador, então, toda vez que um rosto diferente aparecer é imediatamente detectado e enviado um aviso ao gestor do colaborador. 

E por fim, vale ressaltar também que, para efetuar a marcação de ponto, antes de tudo o RH precisa autorizar o dispositivo a ser utilizado, isso garante com que a empresa tenha ciência de todos os dispositivos usados para bater ponto

Essas medidas de segurança no app de ponto são essenciais para garantir uma marcação de ponto segura e livre de fraudes. 

Importância das medidas de segurança do app de ponto para o RH

Quando uma empresa decide contratar um novo serviço de gestão de ponto, ela não quer ter mais dores de cabeça com esse processo, por isso, oferecer um sistema seguro é essencial para manter uma boa relação da empresa para com o sistema. 

Usar um sistema inseguro só traria problemas para a organização e poderia até mesmo fazer com que ela respondesse processos trabalhistas pela falta de segurança da marcação, o que com certeza não é o intuito. 

Então, ao adotar um sistema auditado a companhia garante que seus colaboradores estarão usando uma ferramenta que serve para trazer mais transparência para a relação de trabalho, algo que vai apenas somar de forma positiva nessa relação. 

E para os colaboradores?

Já para os colaboradores, a grande importância é a certeza de que o seu ponto será marcado de forma correta, e que não existirá nenhuma fraude depois da marcação. 

Como utilizar as medidas de segurança do app de ponto na gestão de pessoas?

Contar com um sistema de ponto capaz de emitir mais de 30 relatórios gerenciais é uma ótima escolha para a organização, quando esse sistema além de tudo é seguro a empresa ganha ainda mais. 

As medidas de segurança trazidas pela PontoTel, permite que os funcionários trabalhem fora da empresa sem preocupações, afinal, a gestão saberá exatamente quem bateu o ponto, evitando que o funcionário coloque outra pessoa para marcar o ponto em seu lugar.

Outra questão importante é que o sistema ajuda a reconhecer funcionários que agem de má fé contra a empresa, afinal, o funcionário até pode tentar burlar as regras e bater o ponto a 100 metros da empresa, mas, o seu gestor será avisado imediatamente e poderá contestar o colaborador. 

Por fim, um controle de ponto seguro traz mais transparência para a relação, o funcionário pode ter a certeza que sua jornada está sendo registrada corretamente, e pode até mesmo acompanhar seu dia a dia pela folha de ponto online, podendo saber quantas horas extras fez no mês, sua quantidade de atrasos, faltas e mais.

Conheça o melhor software com as melhores medidas de segurança no app de ponto: PontoTel!

Até aqui deu para perceber que uma das maiores preocupações do PontoTel é garantir um sistema robusto e seguro para as empresas. 

E com o app isso não muda, afinal, a PontoTel já passou por inúmeras auditorias independentes que comprovam toda a segurança do seu registro de ponto. 

Outro dado que comprova isso, é que diversas empresas confiam na nossa solução, e nossos cases mostram que ter esse sistema como aliado da gestão diminui passivos trabalhistas, reduz custos e ainda otimiza o trabalho dos departamentos de RH e DP. 

Então, se você quer entender um pouco mais sobre o PontoTel e ver como as medidas de segurança no app de ponto funcionam na prática, agende agora mesmo uma demonstração por meio do formulário abaixo!

banner animado pontotel

Conclusão

Neste texto entendemos um pouco mais sobre as medidas de segurança no app de ponto, como um aplicativo de ponto funciona, o que diz a lei sobre ele e quais as principais formas de tornar a marcação de ponto móvel e segura. 

E então, está convencido de que não é apenas o ponto biométrico que trará segurança para sua gestão? 

Se gostou deste artigo, compartilhe em suas redes sociais e leia outros conteúdos no Blog da PontoTel!

Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima