Teste palográfico: o que é, como fazer, principais resultados e como analisar!

imagem de uma mão segurando uma caneta

Somos TOP of Mind de RH!

Estamos entre os finalistas do prêmio Top Of Mind de RH 2021, na categoria Controle de Frequência. Agora, precisamos da sua ajuda para ir ainda mais longe e levar o prêmio. Clique aqui e vote PontoTel!

Testes psicológicos têm grande valor para a construção e a manutenção do capital humano de qualquer empresa. Afinal, eles permitem um meio de avaliação comportamental mais profundo de cada candidato a uma vaga, e também dos funcionários que já fazem parte da organização.

Diante dessa importância, gostaríamos de falar, neste artigo, a respeito do teste palográfico.

Nos tópicos abaixo, vamos falar dos principais assuntos relacionados a esse teste:

Acompanhe-nos, então, e entenda o quanto um teste palográfico pode contribuir de diferentes maneiras para o desenvolvimento da sua organização!

controle de jornada digital e gestao de pessoas

Teste palográfico: o que é?

Idealizado para ser utilizado como um teste de personalidade, o teste palográfico é uma avaliação psicológica planejada com uma série de questões para identificar o comportamento mais expressivo dos participantes. 

Com isso, técnicas gráficas são aplicadas para compor um resultado capaz de direcionar o perfil de um indivíduo.

Dentro das empresas, o teste palográfico tem grande valor justamente porque ajuda os recrutadores da sua empresa a se aprofundarem na elaboração do perfil ideal e de meios para avaliar os candidatos. Algo que para os processos seletivos, por exemplo, amplia o repertório de informações para tomar uma decisão.

Mas existem outras formas de aplicar esse teste psicológico. Afinal de contas, é uma importante ferramenta de autoconhecimento que ajuda a identificar os nossos aspectos e as características mais expressivas em diferentes circunstâncias.

Onde surgiu o teste palográfico? 

O teste palográfico (também conhecido como teste dos pauzinhos) foi desenvolvido na Espanha, por Salvador Escala Milá. Essa avaliação psicológica só chegou ao Brasil anos depois, já na década de 1970, tendo Agostinho Minicucci como um de seus principais disseminadores.

Desde então, a sua aplicação tem sido considerada para uma série de finalidades. Mas é inegável que a facilidade de realizar o teste e avaliar os resultados aumentou a sua popularidade no mundo corporativo. 

Entretanto, vale destacar: a presença de um especialista no assunto é de grande importância para o uso assertivo e ético do teste palográfico. Afinal de contas, as conclusões sobre a personalidade dos indivíduos devem ser interpretadas da maneira correta, o que demanda boa dose de capacitação profissional, conhecimentos teóricos e experiência.
Sem falar que o Conselho Federal de Psicologia (CFP) atestou uma série de parâmetros para a condução do teste palográfico.

Como funciona o teste palográfico?

imagem de uma mulher escrevendo em um caderno

O teste palográfico funciona da seguinte forma: Com o auxílio de uma caneta ou lápis e uma folha de papel, os participantes devem fazer diversos traços verticais e paralelos. E, com isso, os avaliadores podem observar o perfil comportamental a partir da quantidade de riscos produzidos em determinado tempo.

Ao interpretar os palos realizados ao longo da avaliação psicológica, é possível observar uma série de características dos candidatos, como:

Entre outros aspectos que podem ser observados e analisados por meio da quantidade de traços que os participantes vão fazer sobre a folha de papel.

O que esse exame psicotécnico avalia? 

Como apontamos acima, o teste palográfico ajuda a ter uma perspectiva mais completa a respeito das pessoas por meio dos traços realizados. Há quem faça traços irregulares e aos montes, quem produza menos traços, mas todos muito similares, e por aí vai.

Não existe, contudo, um teste palográfico perfeito. As características de cada avaliação variam conforme a personalidade dos indivíduos. Não existe uma “resposta correta”, portanto, mas um reflexo de quem realmente somos e como essas qualidades podem ter mais (ou menos) a ver com o perfil desenhado para cada cargo dentro de uma organização, por exemplo.

Quais as finalidades de um teste psicológico? 

No geral, uma avaliação psicológica tem como objetivo um mapeamento comportamental dos candidatos. E isso, como já mencionamos, é fundamental tanto para a vida pessoal quanto para a rotina profissional.

Pois as nossas qualidades comportamentais diferem do conjunto de características de outras pessoas. E isso faz toda a diferença em um processo seletivo em que dezenas de candidatos possuem currículos com a maioria das competências parecidas.

Logo, o teste palográfico e outras avaliações psicológicas ajudam a nortear os recrutadores sobre os indivíduos mais alinhados com o “candidato ideal” para uma oportunidade na empresa. Da mesma maneira que o resultado pode servir para uma pessoa focar em melhorias específicas e em trabalhar estrategicamente os seus pontos de destaque.

Vale perceber, ainda, o quanto um teste palográfico serve para que o RH e a gestão diagnostiquem formas de desenvolver o seu capital humano a partir de treinamentos e outras ações pontuais conforme os resultados desses testes saírem.

Principais vantagens e benefícios do teste palográfico

Ao ter o teste palográfico e outras avaliações psicológicas entre as ações do seu departamento de RH, muitos benefícios podem ser observados no dia a dia da empresa. E isso tanto em curto quanto em médio e longo prazo.

Veja, a seguir, os principais deles, e entenda como eles são alcançados a partir da aplicação de um teste psicológico de acordo com os seus objetivos:

  • A redução de custos é algo que pode ser percebido a partir de mais assertividade no processo de recrutamento, seleção e desenvolvimento dos seus profissionais;
  • Controle do índice de turnover O que também reduz custos, já que os processos de admissão e demissão são caros e o teste palográfico ajuda a contar com profissionais mais alinhados à cultura organizacional da empresa;
  • Identificação de lideranças e outras características que podem contribuir com o desenvolvimento pessoal e profissional dos indivíduos — e também da empresa, consequentemente;
  • Mais alinhamento com a identidade da empresa. E isso, como vimos acima, reduz custos, o turnover e ajuda a conhecer melhor cada funcionário ou candidato em processo seletivos;
  • Os resultados do teste palográfico também ajudam a trabalhar, qualitativamente, em ações para manter o relacionamento interpessoal sempre positivo;
  • Assertividade nas contratações, que foi algo já mencionado, mas vale reforçar a importância do teste palográfico.

É, inclusive, sobre a importância do teste palográfico no recrutamento e seleção que falaremos no tópico seguinte!

Utilize o teste palográfico na sua estratégia de recrutamento e seleção

imagem de um homem em frente para outro em um ambiente de escritório

Como vimos, o teste psicológico é uma ferramenta importante em processos seletivos. Pois, entre outras vantagens, ele ajuda a distinguir e a estabelecer um perfil mais completo das pessoas.

É só pensar, por exemplo, em quais são os aspectos considerados ao decidir-se por dois ou mais candidatos com um currículo profissional tão parecido: as suas características e comportamentos.

Por isso, um teste palográfico pode servir para agregar esses detalhes tão relevantes para a tomada de decisão a respeito de um candidato que pode estar mais ou menos alinhado às necessidades principais para o preenchimento de uma oportunidade na sua empresa.

Como o teste de personalidade auxilia no processo seletivo? 

Um teste de personalidade pode ajudar os recrutadores de diversas formas. Alguns exemplos disso:

  • Fácil alinhamento dos melhores candidatos com a cultura organizacional da sua empresa;
  • Permite uma observação precisa e assertiva do ritmo de trabalho dos candidatos e o quanto eles podem surpreender as expectativas dentro das necessidades de cada cargo;
  • Avaliação psicológica relevante para compreender as qualidades de relacionamento de um candidato,e o quanto ele pode agregar positivamente ao resto da equipe;
  • Incentivo a um clima organizacional mais positivo.

É, portanto, um meio de integrar os melhores profissionais, de fato, conforme as exigências para um cargo, mas também de acordo com o perfil comportamental das pessoas.

Teste palográfico: o que reprova?

É importante reforçar que não existe um teste palográfico perfeito. Os resultados dizem muito sobre cada indivíduo e, como o próprio nome sugere, estamos falando de individualidades.

Existem pessoas criativas, organizadas, produtivas, que funcionam sob pressão e que trabalham melhor em grupo ou sozinhas. Não existe uma resposta certa, portanto, no teste palográfico, mas ele permite que os avaliadores conheçam melhor o perfil das pessoas, estendendo-se às respostas que se pode obter ao ler as informações contidas em um currículo, apenas.

Quais os principais resultados do teste palográfico? 

imagem de pessoas trabalhando em um escritório

Os resultados do teste palográfico ajudam a identificar características comportamentais dos indivíduos. E, como já havíamos mencionado, isso inclui as ações e reações que essas pessoas podem tomar diante de diferentes situações.

Portanto, o teste palográfico ajuda a identificar características que você possa estar à procura para o preenchimento de um cargo, em questão, e que pode ser algo completamente supérfluo para a contratação de outro perfil profissional no próximo processo seletivo.

Conclusão

Vimos, neste post, que o teste palográfico é uma importante ferramenta de autoconhecimento, mas cuja aplicação profissional se traduz em informações precisas e importantes para a tomada de decisão de recrutadores.

Além disso, essa avaliação psicológica pode ser usada para treinamentos e no desenvolvimento dos seus funcionários a partir da identificação dos seus respectivos perfis comportamentais.

Vale reforçar, contudo, que o teste palográfico não é a única maneira de qualificar o seu departamento de recrutamento e seleção e do RH, como um todo. Para ficar por dentro de mais dicas e novidades sobre temas relevantes para o seu setor de atuação, assine a nossa newsletter — é só preencher os seus dados na lateral direita do nosso blog para receber os nossos conteúdos diretamente no seu e-mail!

software controle de ponto reduz processos operacionais
Compartilhe em suas redes!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Rolar para cima