Comece a bater ponto na sua empresa: Como implantar

Atualizado em

Como começar a bater ponto?
Se você é do RH e recebeu a missão de implantar um controle de ponto na sua empresa, nesse momento sua cabeça deve estar explodindo de dúvidas e incertezas sobre como conseguir convencer os colaboradores que eles deverão começar a bater ponto

Com certeza, essa não é uma tarefa fácil, e pode ser que os colaboradores não gostem da ideia no início. 

Mas, que bom que você chegou nesse texto pois, nós somos especialistas em implantar o controle de ponto nas empresas e com a nossa experiência podemos te ajudar nessa missão. 

Criamos um manual gratuito com as melhores informações sobre o que sua empresa precisa fazer para implantar um controle de ponto com sucesso. Clique no banner abaixo para descobrir!

O que é bater ponto?

como-comecar-a-bater-ponto-o-que-e

Comecei o texto com essa pergunta pois, é bem comum ouvirmos diversas respostas para ela. 

Será que bater ponto é apenas registrar os horários que os colaboradores fazem durante um dia de trabalho? Literalmente, sim. 

Mas na prática, o hábito de bater ponto é muito mais que uma forma de registrar os horários, é a fonte principal da transparência entre uma empresa e seus colaboradores. 

É uma das formas de mostrar que a empresa valoriza a relação de trabalho e por isso, mantém tudo às claras. 

O que nos leva ao próximo tópico deste texto. 

Qual a importância de bater ponto?

Uma das maiores importâncias de como começar a bater ponto no trabalho é essa transparência que a prática traz para a empresa. Afinal, ninguém gosta de trabalhar mais tempo do que o combinado e não ser remunerado por isso. E nem mesmo a empresa gosta que os seus colaboradores se atrasem ou faltem frequentemente

Quando se trata de horários de uma jornada, tanto a primeira situação, quanto a segunda podem acontecer durante toda a história de uma empresa. Aliás, eu diria que é até mesmo inevitável isso não acontecer. 

Porém, se a empresa tiver um controle de ponto, esse cenário muda, pois quando o colaborador faz horas extras, isso é calculado para devida remuneração e, quando ele trabalha menos que o combinado também, assim nenhuma das partes sai prejudicada. 

Isso também ajuda a fortalecer a cultura organizacional, pois é uma troca que a empresa tem com os colaboradores, sem o sentimento de vigilância ou perseguição.

Agora, mais do que fortalecer a cultura e a relação com os trabalhadores, a marcação de ponto é também uma forma de garantir segurança jurídica para a empresa e para os colaboradores. 

De acordo com o artigo 58 da Consolidação das Leis do Trabalho, a jornada normal de um colaborador em regime celetista deve ser de até 8 horas diárias. 

Ainda na CLT, o artigo 59 prevê que essa jornada pode ser estendida em até 2 horas extras diárias, com pagamento de pelo menos 50%  superior à da hora normal. Controlando a jornada, é muito mais fácil respeitar esses limites e ter um cálculo preciso dessa remuneração. 

banner-18-controle-de-faltas-e-atrasos

Viu só? Esses são apenas dois exemplos que mostram o quanto o registro de ponto é importante.

Mas ainda precisamos falar sobre o que a falta da marcação de ponto pode trazer de problema para sua empresa. Vamos ver mais.

4 problemas gerados por falta de controle de ponto

Horas extras 

Anualmente o tema horas extras aparece entre as principais causas de processos trabalhistas na justiça do trabalho.  Entretanto, essa alta quantidade de processos reflete o quanto as empresas negligenciam o controle de jornada dos colaboradores e sofrem as consequências disso no futuro. 

Quando a empresa controla a jornada de trabalho dos colaboradores da forma correta, ela gerencia melhor as horas extras, evitando mal-entendidos no futuro. 

Mal entendido entre colaboradores e empresa 

Quem trabalha no RH com certeza já deve ter recebido alguma contestação dos colaboradores por algum desconto no salário ou o não pagamento de um adicional. 

Essa situação gera diversos conflitos que não são saudáveis para o clima organizacional de uma empresa, por isso, controlar o ponto é importante, pois evita essas situações. Ao receber uma reclamação referente à horários ou jornada, a empresa pode rapidamente consultar aquele dia na folha do colaborador. 

Processos trabalhistas 

A melhor forma de evitar um processo trabalhista é não dar meios para que eles aconteçam. E como falamos acima, se a sua empresa não controla e não remunera as horas extras dos colaboradores, uma hora ela pode cair em um desses. 

Se um colaborador acusar sua empresa de estender a jornada mais do que o permitido, como você poderá provar o contrário sem provas? Bastante difícil, por isso, as anotações do ponto são uma prova importantíssima contra processos trabalhistas desse tipo. 

Prejuízos na folha de pagamento 

Justamente para não cair em um processo trabalhista relacionado a horas extras, muitas empresas acabam adotando o ponto por exceção pensando ser mais fácil. 

Mas pelo contrário, o ponto por exceção pode trazer diversos problemas para a organização, como: o pagamento de horas extras que não aconteceram, a não contabilização de faltas e até mesmo o cálculo de horas incorretos. 

Todas essas situações acabam trazendo um grande prejuízo para a folha de pagamento de uma empresa. Mas quando ela possui um controle de ponto inteligente, todas essas horas são devidamente contabilizadas evitando todos esses problemas. 

Diante de todos os problemas que citamos neste tópico, você deve estar pensando em adotar um controle de ponto, mas qual será o melhor para sua empresa? Descubra no próximo tópico. 

Como descobrir qual o melhor sistema de bater ponto

como-comecar-a-bater-ponto-qual-o-melhor-sistema

Para descobrir qual é o sistema de ponto ideal para sua empresa, e saber como começar a bater ponto, você deve analisar o momento atual que a sua empresa está, se a organização está buscando inovar e trazer uma ferramenta que seja útil, agilize os processos e traga segurança para sua empresa.

Talvez seja melhor  adotar o controle de ponto alternativo. Ele é o que tem de mais novo no controle de jornada para as empresas, é feito de forma online e traz recursos importantes como: mobilidade, armazenamento em nuvem, e diversas formas de registro. 

Esqueça os relógios de ponto ou as folhas de ponto manuais, se a sua empresa quer que a implantação do controle seja um sucesso, precisa escolher uma ferramenta moderna que deixe os colaboradores a vontade para realizar as marcações de ponto. 

Vale ressaltar que, após os registros sua empresa ainda terá que lidar com o tratamento dos pontos, para que depois sejam enviadas as informações para a folha de pagamento. 

Por isso, é importante que sua nova ferramenta seja intuitiva, ágil e faça cálculos automáticos, afinal, não adianta nada trazer uma ferramenta que só irá prejudicar ainda mais o dia a dia dos colaboradores. 

O ideal é que o próprio RH pesquise e conheça a ferramenta para que possa dar opiniões sobre ela. Após isso, também é válido pedir a opinião de gestores, assim sua empresa garante que estará contratando a ferramenta que irá suprir com todas as necessidades. 

Como estimular os colaboradores a bater ponto

como-comecar-a-bater-ponto-estimular-os-colaboradores

Depois de escolher a ferramenta, chegou a parte de enfrentar os colaboradores, mas tudo tem que ser feito aos poucos e com calma. 

Se a sua empresa mostrar a importância do controle aos colaboradores e o quanto eles se beneficiarão com isso, a ideia pode ser melhor aceita.

Traga mais flexibilidade 

Você sabia que hoje em dia, uma das coisas que os colaboradores mais buscam nas empresas é flexibilidade? 

Pois é, quando você tem um controle de ponto que permite a adoção de banco de horas, jornadas flexíveis e até mesmo a adoção de home office, você garante que seus colaboradores estejam mais satisfeitos com a organização e a considerem um bom lugar para se trabalhar. 

Isso também ajuda na questão de como começar a bater ponto e a afastar aquela ideia de que “bater ponto” é uma forma da empresa monitorar seus colaboradores, muito pelo contrário, quando ela adota o controle e dá mais flexibilidade aos colaboradores em suas jornadas, mostra mais confiança para eles. 

Escolha uma ferramenta tecnológica e fora do comum

Muitas pessoas ainda não sabem, mas hoje em dia é possível realizar o registro de ponto utilizando um smartphone

Seus colaboradores podem aceitar melhor a ideia se a sua empresa não escolher uma forma de controle ultrapassada, e sim uma ferramenta nova e intuitiva. Aposto que poder registrar o ponto por meio do celular vai deixá-los muito mais animados para começar a bater ponto.

Agora eu quero te falar sobre 5 ações que sua empresa pode fazer para que seus colaboradores aceitem melhor a ideia de bater ponto. 

Ações para adotar o controle de ponto

como-comecar-a-bater-ponto-acoes-para-adotar

  1. Selecione a ferramenta ideal para sua empresa
  2. Crie uma política interna que contenha regras para o registro do ponto
  3. Faça uma boa estratégia de comunicação da nova decisão da empresa 
  4. Instrua os colaboradores 
  5. Comece a bater ponto aos poucos

Quer saber mais sobre elas? Nós preparamos um e-book completo sobre como começar a bater ponto na sua empresa. Não perca tempo e faça o download desse material gratuito agora mesmo clicando no banner abaixo.

Como um sistema de ponto pode ajudar a sua empresa a enfrentar a pandemia do novo coronavírus

Desde que o novo coronavírus chegou ao Brasil, modificou a rotina de todos os brasileiros. Afinal, o vírus causa uma doença respiratória chamada COVID-19 que pode levar à morte. 

Com isso, empresas tiveram que parar suas operações ou se adaptar ao novo cenário para que continuassem atuando em meio a pandemia

Alguns setores adotaram o home office, outros concederam férias coletivas e até mesmo horários alternativos. Todas essas ações são válidas, mas, se a empresa não tiver um bom meio de organização elas podem sair do controle. 

No caso do home office, existe uma grande preocupação dos empregadores com as horas extras, afinal, em casa é comum funcionários estenderem seu expediente sem se dar conta. E, para quem pensa que essas horas não são remuneradas, está muito enganado. 

Nesse caso, se trata de uma adaptação momentânea, portanto as regras que valiam para o escritório continuam valendo no home office, ou seja, as horas extras devem ser contabilizadas para pagamento ou compensação de horas posteriormente, e as empresas podem se prejudicar caso não façam esse controle. 

Agora, no caso das férias coletivas ou horários diferenciados, a empresa terá um grande trabalho para organizar toda essa mudança. Imagina ter que alterar jornadas e organizar férias de diversos colaboradores.

São nessas situações que um controle de ponto pode te ajudar, veja o próximo tópico.  

Conheça a PontoTel

Um ponto alternativo como o PontoTel pode controlar a jornada dos colaboradores mesmo à distância e ainda possui ótimas ferramentas para organizar jornadas, dispensas, férias coletivas e muito mais assuntos relacionados ao ponto dos colaboradores. 

Somos uma empresa especializada em gestão de frequência e trazemos um dos sistemas mais robustos do mercado para sua empresa. Com ele, você consegue ter mobilidade, agilidade e segurança. 

Sem contar que fazemos a gestão do ponto completa, temos mais de 30 relatórios gerenciais e integração com diversos sistemas de folha de pagamento, assim sua empresa não precisa mais ficar sofrendo com diversos sistemas. 

O PontoTel faz todos os cálculos de acordo com as demandas da sua empresa e no final você só exporta para o seu sistema de pagamento. Bastante ágil, não é?

Não perca tempo e ligue para a gente: (11) 4858 9914, ou se preferir agende um contato na nossa página que nós ligamos para você!

Conclusão

como-comecar-a-bater-ponto-conclusao

Viu só? Implantar um controle de ponto não é uma tarefa impossível se você tiver ferramentas certas. Nesse texto nós vimos o que é e como começar a bater ponto, o porquê ele é importante e quais problemas sua empresa pode evitar com um controle de jornada inteligente.

Espero que você tenha feito o download do nosso e-book, nele mostramos com mais detalhes o que sua empresa precisa fazer para criar o hábito de bater ponto nos seus colaboradores. 

Se gostou, não esqueça de compartilhar este conteúdo com mais pessoas!

Rolar para cima
WhatsApp chat